O estudo das representações sociais no Brasil (The study of-the social representations in Brazil)

Celso Pereira de Sá, Angela Arruda

Resumo


0 presente trabalho pretende constituir numa contribuição história da psicologia social brasileira, através da sistematização de algumas memórias e registros acerca da trajetória da teoria das representações sociais no Brasil de 1982 a 1997. A primeira parte do texto descreve os passos iniciais dessa trajetória (1982 a 1987) e avalia o seu significado face ao contexto acadê- mico de então no que se refere ao ensino e A pesquisa da psicologia social. A segunda parte apresenta o quadro da produção brasileira no campo das representações sociais durante os dez anos seguintes (1988 a 1997), como resultado de um levantamento realizado por pesquisadores de quatorze universidades em todo o pais. A evolução dessa produção é acompanhada ano a ano, segundo cinco modalidades — livros, capítulos de livros, artigos, comunicações em eventos, teses e dissertações — e diferente Areas de conhecimento. Apresenti-se ainda uma breve análise comparativa do seu
conteúdo substantivo no período global considerado.

Palavras-chave


Representações; Sociais; História da psicologia social

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Direitos autorais 2000 Celso Pereira de Sá, Angela Arruda

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

R. Ci. Hum. Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe 2178-4582

Creative Commons License Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

 

.