A artéria celíaca e seus ramos no ratão-do-banhado (Myocastor coypus - Rodentia: Mammalia)

Autores

  • Gilberto Valente Machado Universidade Federal do Paraná - Campus Palotina
  • Juliana Rosas de Souza Universidade Federal do Paraná - Campus Palotina
  • Pedro Renato Gonçalves Universidade de Passo Fundo - RS
  • Adelvino Parizzi Universidade de Passo Fundo - RS
  • Daiane Güllich Donin Universidade Federal do Paraná - Campus Palotina

DOI:

https://doi.org/10.5007/%25x

Palavras-chave:

Anatomia, Artéria celíaca, Nutria, Myocastor coypus

Resumo

Para o estudo da artéria celíaca e seus ramos, foram dissecados 10 exemplares adultos, machos e fêmeas, de ratão-do-banhado (Myocastor coypus), obtendo-se os seguintes resultados: a) a artéria celíaca origina-se, isoladamente (70%), da face ventral da aorta abdominal, próximo ao hiato aórtico, ou em tronco comum com a artéria mesentérica cranial (30%); b) as divisões primárias da artéria celíaca, artérias lienal, gástrica esquerda e hepática, surgem por trifurcação (60%) ou bifurcação (40%), neste caso a artéria lienal acha-se separada de um tronco comum formado pelas duas outras; c) a artéria lienal emite de um a seus ramos pancreáticos, a artéria gastroepiplóica esquerda, de três a seus ramos lienais próprios, em seguida distribui-se pelo omento maior (30%) ou, seguindo a curvatura maior do estômago, pode fazer anastomose com a artéria gastroepiplóica direita; d) a artéria gástrica direita envia ramos cárdico (100%) e esofágico (70%), podendo este último enviar um ramo ao diafragma (30%); e) a artéria hepática pode emitir até dois ramos pancreáticos, emite as artérias gastroepiplóica direita e pancreaticoduodenal cranial e, ao atingir a porta do fígado, emite a artéria gástrica direita, em seguida envia de dois a quatro ramos císticos, penetrando no fígado, mediante três a cinco ramos hepáticos próprios.

Biografia do Autor

Gilberto Valente Machado, Universidade Federal do Paraná - Campus Palotina

Possui Graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Mestrado em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres pela Universidade de São Paulo e Doutorado em Anatomia dos Animais Domésticos e Silvestres pela Universidade de São Paulo.

Mais informações no Currículo Lattes.

Pedro Renato Gonçalves, Universidade de Passo Fundo - RS

Possui Graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Santa Maria, Especialização em Tecnologia de Carnes pelo Serviço Alemão de Desenvolvimento, Especialização em Anatomia Aplicada e Dissecção de Tórax Abdome e Pe pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Mestrado em Aufbaustudium pela Deutsche Austachdienst e Doutorado em Medicina Veterinária pela Deutsche Austachdienst. Atualmente é professor Adjunto I da Universidade de Passo Fundo.

Mais informações no Currículo Lattes.

Adelvino Parizzi, Universidade de Passo Fundo - RS

Possui Graduação em Odontologia pela Universidade de Passo Fundo, Graduação em Educação pela Universidade de Passo Fundo, Especialização em Anatomia Humana pela Universidade Federal de Campinas e Aperfeicoamento em Anatomia Humana pela Universidade de Passo Fundo. Atualmente é professor titular da Universidade de Passo Fundo.

Mais informações no Currículo Lattes.

Daiane Güllich Donin, Universidade Federal do Paraná - Campus Palotina

Possui Graduação em Medicina Veterinaria pela Universidade Federal do Paraná e Mestrado em Ciências Veterinárias pela Universidade Federal do Paraná. Atualmente é professor titular da Universidade Federal do Paraná.

Mais informações no Currículo Lattes.

Downloads

Publicado

2002-01-01

Edição

Seção

Artigos