A percepção de agricultores urbanos sobre pragas e plantas cultivadas em uma área metropolitana do Recife

Juliana Gomes de Moraes, Mariana Oliveira Breda, Rômulo Romeu Nóbrega Alves, Ângelo Giuseppe Chaves Alves

Resumo


Os significados culturais e as relações das sociedades com os recursos naturais em áreas urbanas constituem um aspecto importante, mas ainda pouco explorado, no âmbito da etnoecologia. Objetivou-se descrever e analisar os conhecimentos e práticas de agricultores urbanos, a categorização e o controle de animais que foram considerados causadores de injurias às plantas cultivadas. A pesquisa foi realizada em áreas sob cultivo de hortaliças, no entorno do Centro de Abastecimento e Logística de Pernambuco (CEASA), em Recife, capital do estado de Pernambuco, Nordeste do Brasil. Foram entrevistados 33 agricultores, os quais mencionaram 13 animais que consideram pragas. O animal mais frequentemente citado como causador de injúrias às plantas cultivadas foi a formiga e sua relação ecológica com as cochonilhas, descritas como “mofo”. O uso de técnicas de abate para controle de animais indesejados está atrelado às relações de cooperação e aversão e à identidade cultural camponesa, reconfigurada em uma forte relação com o mercado, resultando na concepção dos recursos naturais dentro de um significado predominantemente utilitário.


Palavras-chave


Agricultura urbana; Conhecimento agrícola; Etnoespécies

Texto completo:

PDF/A

Referências


AGUIAR, M. V. A. El aporte del conocimiento local para el desarrollo rural: un estudio de caso sobre el uso de la biodiversidad en dos comunidades campesinas tradicionales del estado de Mato Grosso – Brasil. 2007. 730 f. Tese (Doutorado em Agroecologia, Sociologia y Desarrollo Sostenible) - Universidad de Córdoba, Córdoba. 2007.

ALBUQUERQUE, U. P.; LUCENA, R. F. P.; ALENCAR, N. L. Métodos e técnicas na pesquisa etnobiológica e etnoecológica. Recife: NUPPEA, 2010. 559 p.

ALMADA E. D. Sociobiodiversidade urbana: por uma etnoecologia das cidades. In: SILVA, A. S.; ALMEIDA, A. L. S; ALBUQUERQUE, U. P. (Ed.). Etnobiologia e Etnoecologia: pessoas & natureza na América Latina. Vol. 1. Recife: NUPEEA, 2010. P. 39-63.

ALVES, R. R. N.; MENDONÇA, L. E. T.; CONFESSOR, M. V. A.; VIEIRA, W. L. S.; LOPEZ, L. C. S. Hunting strategies used in the semi-arid region of northeastern Brazil. Journal of Ethnobiology and Ethnomedicine, London, v. 5, n. 12, 2009. Disponível em .

BARBOSA, J. A. A.; MENDONÇA, L. E. T.; CONFESSOR, M. V. A.; ALVES, R. R. N. Práticas de caça por moradores da zona urbana de Campina Grande: uma abordagem. Etnoecológica. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE ETNOBIOLOGIA E ETNOECOLOGIA, VII, 2008, Belém. Livro de resumos... Belém: SBEE, 2008. p. 149-149.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1979. 229 p.

BUCKLEY, R. C. Interactions involving plants, Homoptera, and ants. Annual Review of Ecology and Systematics, Palo Alto, v. 18, 1987. Disponível em .

CAMPOS-FARINHA, A. E. C.; BUENO, O. C.; CAMPOS, M. G. C.; KATO, L. M. As formigas urbanas no Brasil: retrospecto. Biológico, São Paulo, v. 64, n. 2, p. 129-133, 2002.

CANCLINI, N. Culturas híbridas. Estratégias para entrar e sair da modernidade. 3 ed. São Paulo: Ed. USP, 2001. 159 p.

CEASA/PE O. S. Hortas comunitárias da CEASA. Recife: Centro de Abastecimento e Logística de Pernambuco, 2013. 48 p. (Relatório Técnico).

COSME, L. V.; CARVALHO, G. A.; MOURA, A. P. Efeitos de inseticidas botânicos e sintéticos sobre ovos e larvas de Cycloneda sanguinea (Linnaeus) (Coleoptera: Coccinellidae) em condições de laboratório. Arquivo do Instituto Biológico, São Paulo, v. 74, p. 251-258, 2007.

COSTA NETO, E. M. Os insetos que ofendem: artrópodes na visão dos moradores da região da Serra da Jibóia, Bahia, Brasil. Sitientibus série Ciências Biológicas, Feira de Santana, v. 4, p. 59-68, 2004.

COSTA NETO, E. M.; MAGALHÃES, H. F. The ethnocategory “insect” in the conception of the inhabitants of Tapera County, São Gonçalo dos Campos, Bahia, Brazil. Anais da Academia Brasileira de Ciências, Rio de Janeiro, v. 79, n. 2, 2007. Disponível em .

COSTA-NETO, E. M.; RIBEIRO RODRIGUES, R. M. F. As formigas (Insecta: Hymenoptera) na concepção dos moradores de Pedra Branca, Santa Terezinha, estado da Bahia, Brasil. Boletín de la SEA, Zaragoza n. 37, p. 353-364, 2005.

DESCOLA, P. Genealogia de objetos e antropologia da objetivação. Horizontes antropológicos, Porto Alegre, v. 8, n. 18, 2002. Disponível em .

EMPERAIRE, L.; ELOY, L. A cidade, um foco de diversidade agrícola no Rio Negro (Amazonas, Brasil). Boletim Museu Paraense Emílio Goeldi, Ciências Humanas, Belém, v. 3, n. 2, 2008. Disponível em .

FAO. International Plant Protection Convention. Rome: Food And Agriculture Organization of the United Nations, 1997. Disponível em .

FERREIRA, R. J.; CASTILHO, C. J. M. O processo de produção agrícola em áreas do entorno da CEASA-Recife/PE: Uma atividade rural no Centro de uma metrópole. In: SIMPÓSIO NACIONAL DE GEOGRAFIA AGRÁRIA, III, 2005, Presidente Prudente, 2005. Disponível em .

GARFINKEL, H. Studies in Ethnomethodology. Cambridge: Polity Press, 1984. 285 p.

GUERREIRO, J. C.; SILVA, R. A.; BUSOLI, A. C.; BERTI FILHO, E. Coccinelídeos predadores que ocorrem no estágio inicial da cultura do algodoeiro em Jaboticabal, SP, Brasil. Revista de Agricultura, v. 77, p. 161-168, 2002.

GUIMARÃES, H. B.; BRAGA, R. A. P.; OLIVEIRA, T. H. Evolução da condição ambiental em fragmentos de Mata Atlântica na região metropolitana do Recife-PE. Revista Brasileira de Ciências Agrárias, Recife, v. 7, n. 2, p. 306-314, 2012.

GUIVANT, J. S. Heterogeneidade de conhecimentos no desenvolvimento rural sustentável. Cadernos de Ciência & Tecnologia, Brasília, v. 14, p. 411-446, 1997.

HOLWAY, D. A.; LACH, L.; SUAREZ, A. V.; TSUTSUI, N. D.; CASE, T. J. The causes and consequences of ant invasions. Annual Review of Ecology and Systematics, Palo Alto, v. 33, p. 181-233, 2002.

KAPLAN, I.; EUBANKS, M. D. Aphids alter the community-wide impact of fireants. Ecology, New York, v. 86, n. 6, p. 1640-1649, 2005.

KOGAN, M. Integrated pest management: historical perspective and contemporary developments. Annual Review Entomology, Palo Alto, v. 43, p. 243-270, 1998.

LADIO, A. H.; ALBUQUERQUE U. P. The concept of hybridization and its contribution to urban ethnobiology. Ethnobiology and Conservation, Campina Grande, v. 3, n. 6, p. 1-9, 2014.

LAVILLE, C.; DIONNE, J. A construção do saber: manual de metodologia da pesquisa em ciências humanas. Porto Alegre: Artmed/Belo Horizonte: UFMG, 1999. 342 p.

LEITE, M. V.; SANTOS, T. M.; SOUZA, B.; CALIXTO, A. M.; CARVALHO, C. F. Biologia de Aphis gossypii Glover, (Hemiptera: Aphididae) em abobrinha cultivar caserta (Cucurbita pepo L.) em diferentes temperaturas. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, v. 32, n. 5, p. 1-76, 2008.

MARCONI, M. A.; LAKATOS, E. M. Fundamentos de metodologia científica. 5 ed. São Paulo, Atlas, 2003. 310 p.

MARQUES. J. G. W. Pescando pescadores: etnoecologia abrangente no baixo São Francisco alagoano. São Paulo: Núcleo de Apoio à Pesquisa de Populações Humanas em Áreas Úmidas Brasileiras, Universidade de São Paulo, 1995. 285 p.

McCURDY, D. W; SPRADLEY, P. J.; SHANDY, J. D. The Cultural Experience. Ethnografhy in Complex Society. 2 ed. Long Grove: Waveland Press, 2005. 190 p.

MELO, N. J. A. Não contavam com a minha astúcia. Ensaio sobre uma experiência de cidade. Recife: Ed. UFPE, 2007. 154 p.

MENDONÇA, L. E. T.; SOUTO, C. M.; ANDRELINO, L. L.; SOUTO, W. M. S. Conflitos entre pessoas e animais silvestres no semiárido paraibano e suas implicações para conservação. Sitientibus, Série Ciências Biológicas, Feira de Santana, v. 11, p. 185-199, 2011.

MOLLER, H. Lessons for invasion theory from social insects. Biological Conservation, Boston, v. 78, n. 1-2, p. 125-142, 1996.

NESS, J. H.; BRONSTEIN, J. L. The effects of invasive ants on prospective ant mutualists. Biological Invasions, Dordrecht, v. 6, p. 445-461, 2004.

REYES-GARCÍA, V. El conocimiento tradicional para la resolución de problemas ecológicos contemporáneos. Papeles de relaciones ecosociales y cambio global, 2007. Disponível em .

SAMPAIO, D. T.; RUIZ-MIRANDA, C. R.; DE OLIVEIRA BELLAN, D. Aspectos da caça comercial de preás-gênero Cavia pallas, em Campos dos Goytacazes, RJ. Vértices, Campos dos Goytacazes, v. 14, n. 3, p. 21-35, 2012.

SANTANDREU, A.; LOVO, I. C. Panorama da agricultura urbana e periurbana no Brasil e suas diretrizes políticas para sua promoção: identificação e caracterização de iniciativas de AUP em Regiões Metropolitantas brasileiras. Belo Horizonte: MDS; SESAN; ONU- FAO, 2007. 89 p.

SILVA T. F. P.; COSTA NETO, E. M. Percepção de insetos por moradores da comunidade Olhos D'água, município de Cabaceiras do Paraguaçu, Bahia, Brasil. Boletín de la SEA, Zaragoza, v. 35, p. 261-268, 2004.

SILVA, V. A.; ALBUQUERQUE, U. P.; NASCIMENTO, V. T. Técnicas para análise de dados etnobotânicos. In: ALBUQUERQUE, U. P.; LUCENA, R. F. P.; ALENCAR, N. L. (Ed.). Métodos e técnicas na pesquisa etnobiológica e etnoecológica. Recife: NUPPEA, 2010. p. 127-135.

SOUTO, F. J. B. A ciência que veio da lama: uma abordagem etnoecológica das relações ser humano/manguezal na comunidade pesqueira de Acupe, Santo Amaro-BA. 2010. 319 f. Tese (Doutorado em Ecologia e Recursos Naturais) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos. 2010.

TOLEDO, V. M.; BARRERA-BASSOLS, N. A etnoecologia: uma ciência pós-normal que estuda as sabedorias tradicionais. Desenvolvimento e Meio Ambiente, Curitiba, n. 20, p. 31-45, 2009.

TOLEDO, V. M.; BARRERA-BASSOLS, N. A memória biocultural: a importância ecológica das sabedorias tradicionais. São Paulo: Expressão Popular, 2015. 272 p.

TURATTI, M. C. M. Os filhos da lona preta: identidade e cotidiano em acampamento do MST. São Paulo: Alameda, 2005. 118 p.

VASCONCELOS NETO, C. F. A.; SANTOS, S. S.; SOUSA, R. F.; FERREIRA, H. F.; LUCENA, R. F. P. A caça com cães (Canis lupus familiaris) em uma região do semiárido do nordeste do Brasil. Biofar: Revista de Biologia e Farmácia, João Pessoa, v. Especial, p. 1-16, 2012.

WANDERLEY, M. N. B. O mundo rural como um espaço de vida: reflexões sobre a propriedade da terra, agricultura familiar e ruralidade. Porto Alegre: UFRGS, 2009. 330 p.

WAY, M. J. Mutualism between ants and honeydew- producing Homoptera. Annual Review of Entomology, Palo Alto, v. 8, n. 1, p. 307-344, 1963.

WAY, M. J.; KHOO, K. C. Role of ants in pest management. Annual Review of Entomology, Palo Alto, v. 37, p. 479-503. 1992.




DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7925.2017v30n1p99

Direitos autorais 2017 Juliana Gomes de Moraes, Mariana Oliveira Breda, Rômulo Romeu Nóbrega Alves, Ângelo Giuseppe Chaves Alves

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.