Organização trófica da avifauna do campus da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Florianópolis, SC

Rosa Elisa V. Villanueva, Marcelo da Silva

Resumo


O Campus da UFSC é caracterizado por apresentar uma paisagem essencialmente urbana, com diversas espécies de árvores de crescimento rápido e de arbustos ornamentais exóticos. Neste ambiente, foram identificadas 58 espécies de aves, pertencendo a 25 famílias. Nestas, a guilda mais abundante foi a dos insetívoros, com 21 espécies ou 36,2% do total. Entre os nectarívoros registramos 10,3% (6 espécies). Os frugívoros com 13,8% do total (8 espécies) são mal representados no Campus, visto que a oferta de frutos é escassa. Do total de espécies registradas 20,68% (12 espécies) reproduzem-se na área. As características desta avifauna são as de um ambiente urbano, no qual são favorecidas as aves insetívoras, principalmente as sinántropas, em detrimento de outras espécies. Entretanto, estratégias podem ser adotadas para o incremento e/ou manutenção da biodiversidade, tais como o reflorestamento com plantas nativas.

Palavras-chave


Organização trófica; Avifauna; Campus da UFSC; Florianópolis; Santa Catarina

Texto completo:

PDF/A


Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.