Estudo do efeito de agrotóxico sobre microalgas isoladas nas águas dos rios do médio Vale do Itajaí: I - Chlorella sp.

Vanda A. D'Aquino Rosa, Gabriela Brasil

Resumo


O médio vale do Rio Itajaí é uma importante região agrícola do Estado de Santa Catarina, produzindo principalmente arroz, milho e banana. Nessas plantações são usados diversos tipos de agrotóxicos, e entre eles o Round-up, com finalidade de aumentar a produtividade agrícola e diminuir a competição provocada pelas ervas daninhas que crescem no meio das culturas. O Round-up (C3H8NO3P) é também conhecido pelos nomes de N-fosfonometil-glicina ou sal isopropilamínico ou glifosato, e é usado como herbicida. Produz irritação na pele, nos olhos e nas mucosas do homem, quando em contato. A dose letal oral para 50% de uma amostra de ratos é de 4.320 mg/kg e a cutânea para coelhos é de 7.940 mg/kg. A análise da flora de microalgas nas águas dos rios estudados, mostrou-se empobrecida em alguns pontos, e em outros, contendo microalgas indicadoras de poluição por substâncias tóxicas. Os organismos aquáticos podem adquirir, acumular e transferir esses poluentes para os níveis tróficos superiores. A extensão dessa transferência depende da capacidade da microalga em tolerar altas concentrações dessas substâncias. O pH do meio, poderá influenciar ou não a toxidade do herbicida em questão. Foi isolada a clorofícea Chlorella sp. dos rios que recebram o herbicida (via escoamento superficial) e as culturas puras incubadas a diferentes valores de pH e de concentrações de Round-up. A concentração referência foi considerada aquela citada pelo fabricante. As culturas puras que cresceram nos valores de pH 6,8 e 10,0, demonstraram um mesmo padrão de crescimento, quando em presença de diferentes concentrações de Round-up e tiveram os valores de pH modificados ambos para 7,0 e as culturas que cresceram a pH 4,0 apresentaram um crescimento bem menor quando comparados com os dois primeiros.

Palavras-chave


Chlorella sp.; Round-up; Agrotóxicos; Ecotoxicologia

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Direitos autorais 1993 Vanda A. D'Aquino Rosa, Gabriela Brasil

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.