Padrões de ocorrência espacial e temporal de peixes mugilideos jovens na Lagoa da Conceição, Ilha de Santa Catarina, Brasil

Blanca Sierra de Ledo, Gisela Costa Ribeiro, Leandro Clezar, Maurício Hostim-Silva

Resumo


A distribuição e abundância relativa de indivíduos jovens de Mugilidae foram estudados na Lagoa da Conceição, no Sul do Brasil, durante um período de 21 meses. Três espécies de Mugil foram registradas, Mugil platanus, Mugil curema e Mugil gaimardianus. Mugil platanus e M. curema estiveram presentes durante o ano inteiro, enquanto que a ocorrência de M. gaimardianus foi esporádica e rara. Os padrões de abundância espacial e temporal de Mugil platanus e M. curema foram diferentes. Mugil platanus atingiu a máxima abundância nos meses do final do inverno e início da primavera, e M. curema do final do verão até o outono. Os resultados do estudo mostram que a Lagoa da Conceição é um criadouro natural importante para as espécies Mugil platanus e M. curema.

Palavras-chave


Mugilideos jovens; Distribuição; Abundância; Lagoa costeira; Sul do Brasil

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Direitos autorais 1993 Blanca Sierra de Ledo, Gisela Costa Ribeiro, Leandro Clezar, Maurício Hostim-Silva

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Biotemas. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 2175-7925

Licença Creative Commons
Este periódico está licenciado conforme Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.