VOZES-ESPELHO: O ENCONTRO COM O COMUM E A ALTERIDADE NO PROJETO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DE GRUPOS DE RECOVERY E EMPOWERMENT EM SAÚDE MENTAL

Autores

  • Marcela Pimenta Guimarães Muniz Universidade Federal Fluminense https://orcid.org/0000-0002-8615-7513
  • Carina Félix da Silva UFF
  • Nicole Cabral Cardoso Malheiros UFF
  • Marcela Albuquerque de Oliveira Campos UFF
  • Vitória Costa Oliveira UFF
  • Stéphanie Santos Perri UFF
  • Matheus Marques Ferreira UFRJ e UFF

Palavras-chave:

Grupos de Saúde Mental, Recovery, Suporte por Pares, Esquizoanálise, Extensão Universitária

Resumo

Este estudo teve como objetivo construir uma reflexão crítica sobre o encontro com o Comum e a Alteridade enquanto componentes da experiência no âmbito do Projeto de Extensão Universitária de Grupos de Recovery e Empowerment em Saúde Mental da Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa da Universidade Federal Fluminense. A justificativa deste artigo se dá pela necessidade de se oferecer estudos que versem sobre a realidade das práticas de Recovery em grupo, uma vez que são intervenções em consonância com a desinstitucionlização da vida. Como resultados e discussão crítica sobre a experiência do Projeto com os componentes do encontro com o Comum e Alteridade, o estudo apontou que pessoas que partilham de adversidades semelhantes percebem-se umas nas outras e enxergam umas às outras. Para uma leitura leiga, o Comum pode ser entendido como corriqueiro ou trivial e para a psicanálise poderia ser lido do ponto de vista da identificação que reforça algum narcisismo. No entanto, na esquizoanálise e filosofia da diferença, traz-se este encontro com o Comum como dispositivo produtor do aumento da potência de vida. Trata-se da produção de potência causada pela repetição na diferença, ou pelo que o escritor Manoel de Barros trouxe sobre “repetir, repetir, até ficar diferente”. Concluiu-se, através desta construção crítica sobre a experiência do Projeto com os componentes em questão, que perceber no outro vivências e dores semelhantes contribui para que cada um valide e legitime sua própria experiência, criando o contato com feedbacks em bons encontros e produzindo vontade de potência.

Biografia do Autor

Marcela Pimenta Guimarães Muniz, Universidade Federal Fluminense

Docente da Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa (EEAAC/UFF) com projetos de Ensino, Pesquisa e Extensão na áera de Saúde Mental.

Carina Félix da Silva, UFF

Enfermeira. Mestranda do Programa de Pós-graduação em Ciências do Cuidado em Saúde (PACCS/UFF).

Nicole Cabral Cardoso Malheiros, UFF

Acadêmica de Enfermagem da EEAAC/UFF.

Marcela Albuquerque de Oliveira Campos, UFF

Acadêmica de Enfermagem da EEAAC/UFF.

Vitória Costa Oliveira, UFF

Acadêmica de Enfermagem da EEAAC/UFF.

Stéphanie Santos Perri, UFF

Acadêmica de Enfermagem da EEAAC/UFF.

Matheus Marques Ferreira, UFRJ e UFF

Enfermeiro. Residente de Saúde Mental no Instituto de Psiquiatria da UFRJ.

Referências

AGUIAR, Maria Isis Freire de et al . Competências do enfermeiro para

promoção da saúde no contexto de saúde mental. Acta paulista de

enfermagem, 25(2): 157-163, 2012.

ANASTÁCIO, Camila Cardoso; FURTADO, Juarez Pereira. Reabilitação

psicossocial e recovery: conceitos e influências nos serviços oferecidos pelo

sistema de saúde mental. Cadernos Brasileiros de Saúde Mental, ISSN 1984-

, Florianópolis, v.4 , n.9, p. 72-83, 2012.

CALDAS, Cimara Bandeira de Sousa; COSTA, Raul Max Lucas da. Discutindo

o processo grupal em Alcóolicos Anônimos. Revista Interfaces: Saúde,

Humanas e Tecnologia, v. 2, n. 6. 2014.

DELEUZE, G; GUATTARI, F. Mil platôs. São Paulo: Editora 34, 2012.

DOCHERTY NM, DINZEO TJ, MCCLEERY A, BELLl EK, SHAKEEL MK, MOE

A. Internal versus external auditory hallucinations in schizophrenia: symptom

and course correlates. Cogn neuropsychiatry. v. 20, n.3, p.187–197. 2015.

ESPINOSA, Baruch. Ética e tratado político. São Paulo: Nova Cultural, 2005 -

(Coleção Os Pensadores).

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia. 54ª ed. Rio de Janeiro (RJ): Paz e

Terra, 2016.

GILLESPIE, Charles et al. Risk and Resilience: Genetic and Environmental

Influences on Development of the Stress Respons. Depression and anxiety, v.

, n.11, p. 984-92. 2009.

HEIDEGGER, Martin. Ser e tempo, Parte I e II. 3ª ed. Petrópolis: Vozes, 2008.

LARANJEIRA C. A. S. de J. Do invulnerável ser ao resiliente envelhecer:

revisão de literatura. Psicologia: teoria e pesquisa, Brasília. v, 23, n .3, p. 327-

2007.

LÉVINAS, Emmanuel. Entre nós. 4ª ed. Petrópolis: Vozes, 2005.

LÉVINAS, Emmanuel. Théorie de l’intuition dans la phenoménologie de

Husserl. Paris: Vrin, 1963.

LONGDEN, Eleanor; CORSTENS, Dirk; DILLON, Jacqui. Recovery, discovery

and revolution: the work of Intervoice and the hearing voices movement. In:

Madness contested: power and practice. COLES, Steven;, KEENAN, Sarah,

DIAMOND, Bob. ROSS-ON-WYE: PCCS Books; 2013.

MESQUITA, Ana Cláudia; CARVALHO, Emilia Campos de. A Escuta

Terapêutica como estratégia de intervenção em saúde: uma revisão integrativa.

Revista da escola de enfermagem da USP, São Paulo, 48(6): 1127-1136, 2014.

MIRANDA, Anna Meireles Pavarin; PIMENTEL, Fernanda de Almeida;

VILLARES, Cecília Cruz. Anjos de uma asa só: processos de superação na

esquizofrenia em um grupo de ajuda mútua. Revista Nova Perspectiva

Sistêmica, v. 23 n. 48, p. 64-79, 2014.

MOREIRA, Herivelto. Critérios e estratégias para garantir o rigor na pesquisa

qualitativa. Revista brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia, Ponta Grossa,

v. 11, n. 1, p. 405-424, jan./abr. 2018.

MUNIZ, Marcela Pimenta; ABRAHÃO, Ana Lúcia; TAVARES, Claudia Mara de

Melo. A assistência de enfermagem em tempos de reforma psiquiátrica.

Revista Portuguesa de Enfermagem de Saúde Mental, v. 13, n.1, p.61-65,

NIETZSCHE, Friedrich. Vontade de potência. 1ª ed. Rio de Janeiro: Editora

Vozes, 2011.

NUNES, Ana Clara Pica. Promovendo a ajuda mútua em saúde mental.

Dissertação de especialização. Beja: Escola Superior de Saúde do Instituto

Politécnico de Beja, 2009.

OLIVEIRA, Marília de Fátima Vieira de; CARRARO, Telma Elisa. Cuidado em

Heidegger: uma possibilidade ontológica para a enfermagem. Revista Brasileira

de Enfermagem, v. 64, n. 2, p. 376-380, 2011.

PEIXOTO, Mônica Monteiro; MOURÃO, Anna Carolina das Neves; SERPA

JUNIOR, Octavio Domont de. O encontro com a perspectiva do outro: empatia

na relação entre psiquiatras e pessoas com diagnóstico de esquizofrenia.

Revista Ciência e saúde coletiva, v. 21, n. 3, p. 881-890, 2016.

PESCE, Renata et al. Risco e Proteção: Em Busca de Um Equilíbrio Promotor

de Resiliência. Revista Psicologia: Teoria e Pesquisa. v. 20, n.2, p. 135-143,

PORTELA, Margareth Crisóstomo; LIMA, Sheyla Maria Lemos; MARTINS,

Mônica; TRAVASSOS, Claudia. Ciência da Melhoria do Cuidado de Saúde:

bases conceituais e teóricas para a sua aplicação na melhoria do cuidado de

saúde. Caderno de Saúde Pública. v.32, n. 2, p. 105815, 2016.

SILVA Francisco Airton Bastos; MARTINS Silva. O eu e o outro- estudo teórico

contemporâneo acerca da alteridade como campo dinâmico do ser e fazer

antropológicos. Trabalho apresentado na 31ª Reunião Brasileira de

Antropologia. Brasília. 2018.

SORDI, Anne; MANFRO, Gisele; HAUCK, Simone. O Conceito de Resiliência:

Diferentes Olhares. Revista brasileira psicoterapia, v. 13, n. 2, p.115-132, 2011.

TEIXEIRA, Luan; SANTANA, Lídia. Um olhar sobre a resiliência na visão de

gestores e colaboradores. Revista de Iniciação Científica, RIC Cairu v. 2, p.

-32, 2015.

VASCONCELLOS, Eduardo Mourão; WEINGARTEN, Richard; LEME, Carla

Cavalcante Paes; NOVAES, Patrícia Ramos. Reinventando a vida: Narrativas

de recuperação e convivência com o transtorno mental. São Paulo: Hucitec;

VASCONCELOS, Eduardo Mourão (coord.) Cartilha de ajuda e suporte mútuos

em saúde mental: para participantes de grupos. Rio de Janeiro : Escola do

Serviço Social da UFRJ; Brasília: Ministério da Saúde, Fundo Nacional de

Saúde, 2013.

Downloads

Publicado

2021-06-15

Como Citar

MUNIZ, M. P. G.; DA SILVA, C. F.; MALHEIROS, N. C. C.; DE OLIVEIRA CAMPOS, M. A.; OLIVEIRA, V. C.; PERRI, S. S.; FERREIRA, M. M. VOZES-ESPELHO: O ENCONTRO COM O COMUM E A ALTERIDADE NO PROJETO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DE GRUPOS DE RECOVERY E EMPOWERMENT EM SAÚDE MENTAL. Cadernos Brasileiros de Saúde Mental/Brazilian Journal of Mental Health, [S. l.], v. 13, n. 35, p. 95-107, 2021. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/cbsm/article/view/76774. Acesso em: 24 jul. 2021.