NOTA DE REPÚDIO AO DESMONTE DA POLÍTICA NACIONAL DE SAÚDE MENTAL DO SUS

Autores

  • Grupo de Pesquisas em Políticas de Saúde / Saúde Mental, Universidade Federal de Santa Catarina UFSC
  • Núcleo de Humanização, Arte e Saúde Nuhas/UFSC
  • Rede Recovery Brasil RB

DOI:

https://doi.org/10.5007/cbsm.v12i33.78882

Resumo

Contra a privatização do SUS, o desmonte da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS), a extinção dos CAPS e a volta ao modelo manicomial.
Contra a gestão antidemocrática e o aparelhamento corporativo do Ministério da Saúde.

Grupo de Pesquisas em Políticas de Saúde / Saúde Mental, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
Núcleo de Humanização, Arte e Saúde – Nuhas/UFSC
Rede Recovery Brasil

Downloads

Publicado

2020-12-22

Edição

Seção

Em defesa da Política Nacional de Saúde Mental do SUS e da RAPS