Social disclosure das empresas brasileiras listadas na NYSE e na BOVESPA: sua relação com os níveis de governança corporativa

Rodrigo de Souza Gonçalves, Elionor Farah Jreige Weffort, Ivam Ricardo Peleias, Andrea de Oliveira Gonçalves

Resumo


A transparência das informações contábeis confere credibilidade das empresas frente aos seus investidores, com destaque para o resultado obtido em projetos sociais. Assim, este artigo analisa se os requisitos de governança corporativa definidos pela BOVESPA e NYSE contribuem, na evidenciação aos investidores, dos recursos alocados em projetos sociais. Os resultados da pesquisa indicaram que os níveis de governança corporativa definidos pela BOVESPA não influenciam o nível do social disclosure, pois as empresas do Nível 2 obtiveram melhores resultados do que as do Novo Mercado, tendo as empresas brasileiras listadas na NYSE, como grupo de maior nível do social disclosure.


Palavras-chave


Governança corporativa; Social disclosure; Evidenciação; Corporate governance; Disclosure

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8069.2008v5n9p71



Locations of visitors to this page

Revista Contemporânea de Contabilidade, Florianópolis, Brasil. ISSN (impresso)1807-1821 - ISSN (eletrônico) 2175-8069