Avaliação do sistema de controle gerencial de uma empresa do setor químico: um estudo de caso

Autores

  • Valter da Silva Faia Universidade Estadual de Maringá Faculdade Cidade Verde
  • Joatan Bitencourt Milan Universidade Estadual de Maringá
  • Josir Simeone Gomes Universidade Unigranrio

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8069.2013v10n19p97

Palavras-chave:

Sistema de controle gerencial, Contabilidade, Administração

Resumo

Segundo Berry et al. (2009), os desafios para o projeto de sistemas de controle gerencial  destacam a importância de se considerarem as variáveis contexto social e cultura organizacional, assim como as medidas de natureza não financeira. O presente trabalho objetivou avaliar o sistema de controle de gestão da empresa de pequeno porte HK Química, confrontando a teoria com a prática por meio de estudo de caso. A coleta de dados constou da realização de entrevistas e por observação ativa. Os resultados evidenciam um sistema de controle de gestão organizacional bastante afastado do referencial teórico, concentrado somente em medidas financeiras.

 

Biografia do Autor

Valter da Silva Faia, Universidade Estadual de Maringá Faculdade Cidade Verde

Graduado em Ciências Contábeis e pós-graduando em Contabilidade e Controladoria pela Universidade Estadual de Maringá (2010). Atualmente atua como consultor de empresas e docente da Faculdade Cidade Verde (Maringá-PR). Tem experiência nas áreas de contabilidade gerencial, controladoria, custos e planejamento estratégico.

Joatan Bitencourt Milan, Universidade Estadual de Maringá

Graduado em ciências contábeis e pós-graduando em contabilidade e controladoria pela Universidade Estadual de Maringá. Atualmente atua como contador de empresas.

Josir Simeone Gomes, Universidade Unigranrio

Possui graduação em Contabilidade pela Fundação Getúlio Vargas (1973), graduação em Economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1972), mestrado em Administração pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1978) e doutorado em Administração pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1983). Possui Pós-Doutorado na Universidad Carlos III de Madrid, na Espanha e curso de especialização na Harvard Business School.Atualmente é professor Adjunto no Programa de Mestrado em Administração da Universidade Unigranrio. Tem experiência na área de Administração e Contabilidade,, atuando principalmente nos seguintes temas: controle gerencial, controle de gestao, orcamento publico, contabilidade gerencial, globalizacao e metodologia do ensino superior.

Referências

AGUIAR, Andson B. de; PACE, Eduardo S. U.; FREZATTI, Fábio. Análise do inter-relacionamento das dimensões da estrutura de sistemas de controle gerencial: um estudo piloto. RAC-Eletrônica, Curitiba. v. 3, n. 1, p. 1-21, 2009.

ANTHONY, R. N.; GOVINDARAJAN, V. Sistemas de controle gerencial. 12. ed. São Paulo: McGraw-Hill, 2008.

BERRY, A. J.; COAD, A. F; HARRIS, E. P.; OTLEY, D. T.; STRINGER, C. Emerging themes in management control: A review of recent literature. The British Accounting Review, n. 41, p. 2–20, 2009.

BEUREN, Ilse Maria (coord.). Como elaborar trabalhos monográficos em Contabilidade: Teoria e prática. 3. ed. São Paulo: Atlas, 2006.

BORINELLI, Márcio Luiz. Estrutura conceitual básica de controladoria: Sistematização à luz da teoria e da práxis. 2006. 341f. Tese (doutorado). Departamento de Contabilidade e Atuária da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006.

CATELLI, Armando (coord.). Controladoria: Uma abordagem da gestão econômica – GECON. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2001.

CHANKAEW, Nuntha; USSAHAWANITCHAKIT, Phapruke. Management control system and firm success: an empirical investigation of electronics parts businesses in Thailand.

Journal of Academy of Business and Economics, v. 11, n. 4, p. 1-13, jun. 2011.

CHENHALL, R. H. Management control systems design within its organizational context: findings from contingency-based research and directions for the future. Accounting, Organizations and Society, v. 28, n. 2-3, p. 127-168, fev./abr. 2003.

CHING, Hong Yuh. Contabilidade Gerencial: novas práticas contábeis para a gestão de negócios. São Paulo: Prentice Hall, 2006.

CRUZ, Inês; SCAPENS; Robert W.; MAJOR, Maria. The localisation of a global management control system. Accounting, Organizations and Society, v. 36, p. 412-427, 2011.

DAVIS, R. C. The principles of factory organization and management. New York: Harper, 1928.

DENT, Arthur G. H. Management planning and control. London: Gee Ltd., 1935.

FERREIRA, A.; OTLEY, D. The design and use of management control systems: an extended framework for analysis. 2005. Disponível em: <http://dx.doi.org/10.2139/ssrn.682984> Acesso em: 20 fevereiro 2012.

FLORENTINO, Mauro Silva; GOMES, Josir Simeone. Controle gerencial em empresas brasileiras internacionalizadas: empresas do setor de serviços – o caso da SPOLETO. Contabilidade, Gestão e Governança, v. 12, n. 2, p. 24-34, mai./ago. 2009.

FREZATI, Fábio et al. Controle Gerencial: Uma abordagem da Contabilidade gerencial no contexto econômico, comportamental e sociólogo. São Paulo: Atlas, 2009.

GIGLIONE, G. B.; BEDEIAN, A. G. A conspectus of management control theory: 1900-1972. Academy of Management Journal, v. 17, n.2, jun. 1974.

GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2011.

GLOVER, J. G.; MAZE, C. L. Managerial control. New York: Ronald, 1937.

GOETZ, B. E. Management planning and control. New York: McGraw-Hill, 1949.

GOMES, Josir S. & AMAT SALAS, Joan M. Controle de gestão: uma abordagem contextual e organizacional. 3. ed. São Paulo: Atlas, 2001.

HENRI, Jean-François. Management control systems and strategy: a resource-based perspective. Accounting, Organizations and Society, v. 31, p. 529-558, 2006.

HERATH, S. K. A framework for management control research. Journal of Management Development. v. 26, n. 9, p. 895-915, 2007.

HOLDEN, P. E.; FISH, L. S.; SMITH, H. I. Top management organization and control. Stanford: Stanford University Press, 1941.

HUBEL, A. La gestión empresarial. Madri: Acento, 1994.

JUNQUEIRA, Emanuel Rodrigues. Perfil do sistema de controle gerencial sob a perspectiva da teoria contingencial. 2010.

f. Tese (doutorado) - Departamento de Contabilidade e Atuária da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010.

KAPLAN, S. R.; NORTON, D. P. A estratégia em ação: balanced scorecard. Tradução de Luiz Euclydes Trindade Frazão Filho. Rio de Janeiro: Elsevier, 1997.

KAPLAN, S. R.; NORTON, D.P. Mapas estratégicos: convertendo ativos intangíveis em resultados tangíveis. Tradução de Afonso Celso da Cunha. 8. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2004.

KAPLAN, S. R.; NORTON, D.P. Organização orientada para a estratégia: como as empresas que adotam o balanced scorecard prosperam no novo ambiente de negócios. Tradução de Afonso Celso da Cunha Serra. 7. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2000.

KING, Robyn; CLARKSON, Peter M.; WALLACE, Sandra. Budgeting practices and performance in small healthcare businesses. Management Accounting Research, v. 21, p. 40-55, 2010.

KOBER, Ralph; NG, Juliana; PAUL, Byron. Change in strategy and MCS: a match over time? Advances in Accounting, v. 20, p. 199–232, 2003.

LUNKES, Rogério João; SCHNORRENBERGER, Darci. Controladoria: Na coordenação dos sistemas de gestão. São Paulo: Atlas, 2009.

MAHAMA, Habib. Management control systems, cooperation and performance in strategic supply relationships: a survey in the mines. Management Accounting Research, v. 17, p. 315–339, 2006.

MARTINEWSKI, A. L; GOMES, J. S. Controle gerencial em empresas brasileiras Internacionalizadas: algumas evidências em empresas do setor de serviços. In: Encontro da ANPAD, 25, 2001, Campinas. Anais... ENANPAD, 2001. CD-ROM.

MAYO, E. The human problems of an industrial civilization. Cambridge: Harvard University Press, 1933.

OLIVEIRA, Luís Martins de; PEREZ Jr., José Hernandez; SILVA, Carlos A. dos Santos. Controladoria estratégica. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2004.

OYADOMARI, José C. T.; CESAR, Ana Maria R. V. C.; SOUZA, Eliane F. de; OLIVEIRA, Magda A. de. Influências da remuneração de executivos na congruência de metas. Revista Contemporânea de Contabilidade, v. 1, n. 12, p. 53-74, jan./jun. 2009.

OYADOMARI, José C. T.; FREZATTI, Fábio; MENDONÇA NETO; Octávio R.; CARDOSO, Ricardo L.; BIDO, Diógenes de S. Uso do sistema de controle gerencial e desempenho: um estudo em empresas brasileiras sob a perspectiva da resources-based view. REAd, v. 17, n. 2, p. 298-329, mai./jun. 2011.

PADOVEZE, Clóvis Luis. Sistemas de informações contábeis: Fundamentos e análise. 3. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

PADOVEZE, Clóvis Luís. Controladoria básica. São Paulo: Thomson, 2004.

PELEIAS, Ivam Ricardo. Controladoria: Gestão eficaz utilizando padrões. São Paulo: Saraiva, 2002.

PEREIRA, Antonio José Patrocínio 2007. Características dos Sistemas de Controle Gerencial das Pequenas e Médias Empresas do setor farmacêutico do Estado do Rio de Janeiro: Estudo de Casos. ABCustos Associação Brasileira de Custos, v. 2, n.2, p. 1-21, mai/ago. 2007. Disponível em: <http://www.unisinos.br/abcustos/_pdf/AC-2007-69.pdf>. Acesso em: 20 fevereiro 2012.

REIS NETO, Mário Teixeira; MARQUES, Antônio Luiz. A remuneração variável e sua contribuição para a melhoria da gestão. Revista de negócios, Blumenau, v. 9, n. 1, p. 05-17, jan./mar. 2004.

RODRIGUES, Adriano; GOMES, Josir Simeone. Controle gerencial em empresas internacionalizadas: o caso da construtora Norberto Odebrecht S.A. Revista Contemporânea de Contabilidade, v. 1, n. 5, p. 15-96, jan./jun. 2006.

ROWLAND, F. H. Business planning and control. New York: Harper, 1947.

SCHMIDT, Paulo (coord.). Controladoria: Agregando valor para a empresa. São Paulo: Bookman, 2002.

SCHNEIDER, Christine; MORETTO NETO, Luis. Avaliação do desempenho organizacional da empresa familiar indústrias Alfa S.A. com base no modelo de gestão estratégica Balanced scorecard. Revista de Gestão USP, v. 13, n. 1, p. 89-104, jan./mar. 2006.

SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (org.). Anuário do trabalho na micro e pequena empresa: 2010-2011. 4. ed. Brasília: DIEESE, 2011. Disponível em: <http://www.sebrae.com.br/customizado/estudos-e-pesquisas>. Acesso em: 1° dezembro 2012.

SILVA, Anderson Soares; FONSECA, Ana Carolina Pimentel Duarte. Controle gerencial por meio do benchmarking: o caso de uma organização de ciência e tecnologia da marinha do Brasil. Contabilidade Vista & Revista, v. 20, n. 2, p. 65-98, abr./jun, 2009.

SILVA, Vagner Guimarães da; GOMES, Josir Simeone. O uso do código de conduta ética como instrumento de controle gerencial: estudo de casos em empresas internacionalizadas. Revista Contemporânea de Contabilidade, v. 1, n. 10, p. 111-127, jul./dez. 2008.

SIMONS, R. The role of management control systems in creating competitive advantage: new perspectives. Accounting, Organizations and Society. v. 15, n. 1/2, p. 127-143, 1990.

TAYLOR, F. W. Scientific management. New York: Harper, 1947.

URWICK, L. F. The elements of administration. New York: Harper, 1943.

YIN, Robert K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 2. ed. Porto Alegre: Bookman, 2001.

Downloads

Publicado

2013-04-26

Edição

Seção

Artigos