O método de estudo de caso aplicado no ensino em cursos de pós-graduação em ciências contábeis

Autores

  • Edvalda Araujo Leal Professora Adjunta da Universidade Federal de Uberlândia
  • Rodrigo Lucena de Oliveira Universidade Federal de Uberlândia

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8069.2018v15n35p69

Palavras-chave:

método de ensino, estudo de caso, ciências contábeis

Resumo

O objetivo deste trabalho é investigar as habilidades e competências desenvolvidas pela aplicação do método do estudo de caso no processo ensino-aprendizagem dos estudantes de Pós-Graduação em Ciências Contábeis. A amostra conta com 180 discentes, representando 10 estados brasileiros. Para a análise dos dados, utilizou-se a análise fatorial exploratória, tendo sido identificados dois fatores que explicam 62,03% da variação total dos dados. Tais fatores foram caracterizados por: Habilidades e Competências Adquiridas com a utilização do Método do Estudo de Caso; e Requisitos para Aplicação do Método do Estudo Caso em sala de aula. Na opinião dos discentes de Pós-Graduação em Ciências Contábeis, o método do estudo de caso contribui para seu aprendizado e auxilia no desenvolvimento de habilidades e competências, tais como: a capacidade de comunicação, o trabalho em equipe e a aptidão para refletir sobre situações reais e teoria estudada em sala de aula, o que auxiliará na análise crítica.

Biografia do Autor

Edvalda Araujo Leal, Professora Adjunta da Universidade Federal de Uberlândia

Doutora em Administração pela Fundação Getúlio Vargas

Rodrigo Lucena de Oliveira, Universidade Federal de Uberlândia

Graduando em Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Uberlândia

Referências

ABRANTES, D.; MARIANO, S. R. H.; MAYER, V. F. Metodologia para desenvolvimento de estudos de caso. Brasil: SEBRAE, 2002. Disponível em: . Acesso em: 20 jul. 2015.

AMBROSINI, V.; BOWMAN, C.; COLLIER, N. Using teaching case studies for management research. Strategic Organization, v. 8, n. 3, p. 206-229, 2010. Disponível em: http://journals.sagepub.com/doi/pdf/10.1177/1476127010374254. Acesso em: 20 de fev. 2016. DOI: https://doi.org/10.1177/1476127010374254

ANTONELLI, R. A.; COLAUTO, R. D.; CUNHA, J. V. A. Expectativa e Satisfação dos Alunos de Ciências Contábeis Com Relação às Competências Docentes. REICE – Revista Iberoamericana sobre Qualidade Eficácia e Mudança em Educação. v. 10, n. 01, p. 74-91, 2012. Disponível em: <http://www.rinace.net/reice/numeros/arts/vol10num1/art5.pdf> Acesso em: 18 mai.2016.

ARAGÃO, C. V.; SANGO, M.C.A. O método do caso no ensino de administração pública: um exercício prático. Cadernos EBAPE/FGV, n. 77. Rio de Janeiro: Editora FGV, 1995.

ARAUJO, M. D. C., SANTANA, C. M. Análise das percepções e expectativas dos alunos de ciências contábeis na universidade de Brasília quanto ao perfil do professor e inserção no mercado de trabalho. Congresso USP de Contabilidade e Controladoria, 8, 2008. Anais... São Paulo: USP, 2008.

BORDENAVE, J. D.; PEREIRA, A. M. Estratégias de ensino-aprendizagem. Petrópolis, RJ: Vozes, 2006.

BRASIL. Resolução CNE/ CES no. 10, de 16 de dezembro de 2004. Institui as Diretrizes Nacionais Curriculares para o Curso de Graduação em Ciências Contábeis, bacharelado, e dá outras providências. In: CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO – CÂMARA DE EDUDAÇÃO SUPERIOR. Legislação Republicana Brasileira. Brasília, 2004. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/ rces10_04.pdf>. Acesso em: 26 jul. 2015.

BRUNER, R.; GUP, B. E.; NUNNALLY JR., B. H.; PETTIT, L. C. Teaching with cases to graduate and undergraduate students. Financial Practice and Education, Tampa, v. 9, n. 2, p. 138-146, 1999.

CAPES. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. 2016. Plataforma Sucupira. Disponível em: <https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/programa/listaPrograma.jsf>. Acesso em: 21 jan. 2016.

CELERINO, S.; PEREIRA, W. F. C. Atributos e prática pedagógica do professor de contabilidade que possui êxito no ambiente universitário: visão dos acadêmicos. Revista Brasileira de Contabilidade, v. 37, n. 170, p. 64-77, 2008. Disponível em: <http://rbc.cfc.org.br/index.php/rbc/article/view/793>. Acesso em: 27 mar. 2016.

COSTA. M. M; BARROSO, D. O método de casos no ensino da administração. Trabalho final da disciplina Técnicas de Ensino. Rio de Janeiro: EBAPE/FGV, 1992.

DE ASSIS, L. B. et al. Estudos de caso no ensino da Administração: o erro construtivo libertador como caminho para inserção da pedagogia crítica. Rev. Adm. Mackenzie – RAM, São Paulo, v. 14, n. 5, p. 44-73, 2013. Disponível em: <http://editorarevistas.mackenzie.br/index.php/RAM/article/view/3997>. Acesso em: 9 jun. 2014. DOI: https://doi.org/10.1590/S1678-69712013000500003

FÁVERO, L. P; BELFIORE, P.; SILVA, F. L.; CHAN, B. L. Análise de dados: modelagem multivariada para tomada de decisões. Rio de Janeiro: Elsevier, 2009.

GIL, A. C.; LICHT, R. H. G.; OLIVA, E. C. A utilização do estudo de caso na pesquisa em administração. Revista Base (Administração e Contabilidade) da UNISINOS, São Leopoldo, v. 2, n. 1, p. 47-56, 2005. Disponível em: <http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=337228628005>. Acesso em: 15 jul. 2014.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5.ed. São Paulo: Atlas, 1999.

GIL, A.C. Elaboração de Casos para o Ensino da Administração. Revista Contemporânea de Economia e Gestão. v. 2, n. 2, p. 07-16, jul/dez. 2004. Disponível em: <http://www.contextus.ufc.br/index.php/contextus/article/view/36/5> >. Acesso em: 29 jun. 2015.

GRAHAM, A. Como escrever e usar estudos de caso para ensino e aprendizagem no setor público. Brasília: ENAP, 2010.

HAIR JR, J. F.; BLACK, W. C.; BABIN, B. J.; ANDERSON, R. E.; TATHAM, R. L. Análise multivariada de dados. Porto Alegre: Bookman, 2005.

HAMMOND, J. S. Learning by the case method. Boston: HBS Publishing, 2002.

IKEDA, A. A.; VELUDO-DE-OLIVEIRA, T. M.; CAMPOMAR, M. C. A tipologia do método do caso em administração: usos e aplicações. Organizações & Sociedade, v. 12, n. 34, p. 141-159, 2005. Disponível em < ttp://www.portalseer.ufba.br/index.php/revistaoes/article/view/10796> Acesso em: 4 jun. 2015. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1984-92302005000300009

IKEDA, A. A.; VELUDO-DE-OLIVEIRA, T. M.; CAMPOMAR, M. C. O caso como estratégia de ensino na área de Administração. Revista de Administração da Universidade de São Paulo, São Paulo, v. 41, n. 2, p. 147-157, 2006. Disponível em: <http://www.rausp.usp.br/busca/artigo.asp?num_artigo=1189>. Acesso em: 4 jun. 2015.

IKEDA, A. A.; VELUDO-DE-OLIVEIRA, T. M.; CAMPOMAR, M. C. O Método do Caso no Ensino de Marketing. RAC-Eletrônica, v. 1, n. 3, art. 4, p. 52-68, 2007. Disponível em: <http://www.spell.org.br/documentos/download/30811 >. Acesso em: 01 Ago. 2015.

INEP - Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais. Diretoria de Informações e Estatísticas Educacionais (INEP/SEEC). Censo do Ensino Superior, 2017. Disponível em:<http://download.inep.gov.br/educacao_superior/censo_superior/apresentacao/2017/apresentacao_censo_educacao_superior.pdf >. Acesso em: 15 mar. 2018.

KNECHEL, W. R. Using the case method in accounting instruction. Issues in Accounting Education, Sarasota, v. 7, n. 2, p. 205-217, 1992.

LAFFIN, M. De Contador a Professor: a trajetória da docência no ensino superior de contabilidade. Florianópolis: Imprensa Universitária, 2002 Disponível em: http://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/82933> Acesso em: 20 jul. 2015.

LOURENÇO, C. D. S.; MAGALHÃES, T. F. A sala de aula e as empresas: Análise da produção e da utilização de casos para ensino em Administração. Administração: ensino e pesquisa, Rio de Janeiro, RJ. v. 15, n. 1, p. 11–42, jan /fev/ mar 2014. DOI: http://dx.doi.org/10.13058/raep.2014.v15n1.41

MACHADO, A. G. C.; CALLADO, A. A. C. Precauções na adoção do método de estudo de caso para o ensino de administração sob uma perspectiva epistemológica. Cadernos EBAPE.BR, Rio de Janeiro, Número Especial, p. 1-10, 2008. Disponível em: <http://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/cadernosebape/article/viewFile/5433/4167>. Acesso em: 4 jun. 2014.

MACY,G.;NEAL,J.C. The dialogic case method: building a microword in classroom. Organization Development Journal, Chesterland, v. 20, n. 3, p. 3142, 2002.

MARTINS, G. de A. Estudo de caso: uma estratégia de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2006.

MARTINS, G. de A.; THEÓPHILO, C. R. Metodologia da investigação científica para ciências sociais aplicadas. São Paulo: Atlas, 2007.

MENEZES, M. A. A. Do método do caso ao case: a trajetória de uma ferramenta pedagógica. Educação e Pesquisa. São Paulo, v. 35, n.1, p. 129-143, jan./abr. 2009. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/ep/v35n1/a09v35n1.pdf > Acesso em: 14 jun. 2015. http://dx.doi.org/10.1590/S1517-97022009000100009

PEREIRA, C.M.; LEAL, E. A. Contribuição do método do estudo de caso no processo de ensino e aprendizagem da disciplina de análise de custos do curso de ciências contábeis. In: SemeAd, 18, 2015. Anais... São Paulo: FEA-USP, 2015.

PILETTI, C. Didática geral. São Paulo: Ática, 2004.

REES, W. D.; PORTER, C. The use of case studies in management training and development. Industrial and Commercial Training, Guilsborough, v.34, n.1, p.5-8, 2002.Part 1. Disponível em <https://www.emeraldinsight.com/doi/abs/10.1108/00197850210414026> Acesso em: 15 jul. 2015. DOI: http://dx.doi.org/10.1108/00197850210414026

RICHARDSON, R. J. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

ROESCH, S. M. A. Notas para a construção de casos para ensino. Revista de Administração Contemporânea, v. 11, p. 1-10, 2007a. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1415-6555200700020001

ROESCH, S. M. A. Como escrever casos para o ensino de administração. São Paulo: Atlas, 2007b.

SHUELL, T. J. Cognitive conceptions of learning. Review of Educational Research, v.56, p. 411-436, 1986. Disponível em <https://web-basededucationalmaterials.wikispaces.com/file/view/cognitive+conceptions+of+learning.PDF> Acesso em 15 Mar. 2018

SILVA, E. R.; CASTILHO, D. Método do caso aplicado ao ensino da Administração: uma alternativa possível. Revista Eletrônica da Faculdade Metodista Granbery, Juiz de Fora, n. 10, p. 1-18, 2011. Disponível em: <http://re.granbery.edu.br/artigos/NDIw.pdf>. Acesso em: 15 jul. 2015.

SILVA, R. R.; BENEGAS, A. A. O uso do estudo do caso como método de ensino na graduação. Economia & Pesquisa, v. 12, n. 12, p. 9-31, 2010. Disponível em: <http://www.feata.edu.br/downloads/revistas/economiaepesquisa/v12_artigo01_uso.pdf>. Acesso em: 14 fev. 2015. DOI: https://doi.org/10.6005/2179-6009.2010v12p9

VASCONCELOS, A. F.; CAVALCANTE, P. R. N.; MONTE, P. A. Fatores que influenciam as competências em docentes de Ciências Contábeis. Veredas FAVIP (Online), v. 5, p. 86-101, 2012.

VASCONCELOS, Y. L. et al. Método de caso e estudo de caso: usos no exercício da docência em contabilidade de custos. Custo e @gronegócio, Recife, v. 9, n. 4, p. 2-18, 2013. Disponível em: <http://www.custoseagronegocioonline.com.br/numero4v9/Metodo.pdf>. Acesso em: 4 jun. 2014.

VERGARA, S. C. Projetos e relatórios de pesquisa em administração. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2004.

WEBER, M. M.; KIRK, D. J. Teaching teachers to teach cases: it’s not what you know, it´s what you ask. Marketing Education Review, Columbia, v. 10, n. 2, p. 59-67, 2000.

WEIL, S.; OYELERE, P.; YEOH, J.; FIRER, C. A study of students’ perceptions of the usefulness of case studies for the development of finance and accounting-related skills and knowledge. Accounting Education, v. 10, n. 2, p.123-146, 2001. Disponível em: < https://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/09639280110081642>. Acesso em: 4 jun. 2015. DOI: 10.1080/09639280110081642

Downloads

Publicado

2018-06-30

Como Citar

Leal, E. A., & Oliveira, R. L. de. (2018). O método de estudo de caso aplicado no ensino em cursos de pós-graduação em ciências contábeis. Revista Contemporânea De Contabilidade, 15(35), 69-87. https://doi.org/10.5007/2175-8069.2018v15n35p69

Edição

Seção

Artigos