Inserção em cadeias globais de valor: influência da governança externa sobre a indústria do mobiliário do estado de Santa Catarina

Autores

  • Fabiano Geremia UFRJ -Rio de Janeiro - RJ
  • Renato Ramos Campos UFSC- Florianópolis - SC

Palavras-chave:

indústria de móveis, aprendizagem tecnológica, cadeias globais.

Resumo

Este estudo analisa as relações das empresas do mobiliário de Santa Catarina que estão inseridas em arranjos produtivos locais com os compradores internacionais. O foco específico de análise é a identificação das possibilidades de upgrading tecnológico através da aprendizagem interativa com os compradores internacionais. A indústria do mobiliário de Santa Catarina é responsável por 50% das exportações nacionais de móveis e, nos principais mercados consumidores, EUA e Europa, a comercialização é realizada através de grandes distribuidores internacionais. Pretende-se investigar a possibilidade das empresas, em aglomerados produtivos, obterem vantagens competitivas sustentáveis nos mercados internacionais, parcialmente associadas às suas relações no âmbito das cadeias globais. Avalia-se, especificamente, os processos de aprendizagem tecnológica associados às relações que as empresas do mobiliário em Santa Catarina estabelecem com as cadeias globais. Com base no referencial Neo-Schumpeteriano, que aborda os processos de aprendizagem tecnológica, foi realizada pesquisa de campo usando questionário estruturado para a análise das características das capacitações tecnológicas das empresas catarinenses selecionadas, localizadas em aglomerações produtivas de Santa Catarina.

Biografia do Autor

Fabiano Geremia, UFRJ -Rio de Janeiro - RJ

Possui graduação em Ciências Econômicas - Faculdades Reunidas de Admin. Ciências Contábeis e Econômicas de Palmas (2000) e mestrado em Economia pela UFSC (2004). Foi professor titular da União de Ensino do Sudoeste do Paraná. Atualmente é doutorando em Economia pela UFRJ. Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Teoria Econômica, atuando principalmente nos seguintes temas: economia Industrial, arranjos produtivos locais e micro, pequenas e médias empresas.

Mais informações: Currículo Lattes - CNPq.

Renato Ramos Campos, UFSC- Florianópolis - SC

Possui graduação em Economia pela Faculdade de Ciências Econômicas de Joinville (1974) , especialização em Administração pela UFSC (1983) , doutorado em Ciência Econômica pela UNICAMP (1994) e pos-doutorado pelo Instituto de Economia da UFRJ (2006) . Atualmente é Professor Associado1 da UFSC. Tem experiência na área de Economia , com ênfase em Economia Industrial. Atuando principalmente nos seguintes temas: Tecnologia, Concorrência, Frigoríficos.

Mais informações: Currículo Lattes - CNPq.

Downloads

Publicado

2008-09-25

Edição

Seção

Artigos