Estrutura de governança: o caso do Arranjo Produtivo Local (APL) do setor de confecção de Maringá (PR)

Antonio Carlos de Campos, Jaime Graciano Trintin, Vinícius Gonçalves Vidigal

Resumo


Em estudo realizado anteriormente verificou-se a presença de um arranjo produtivo local da atividade de confecção no município de Maringá, no Estado do Paraná. O objetivo desse estudo consistiu em analisar as condições estruturais do setor de confecção neste município, buscando identificar e avaliar os elementos que compõe a estrutura de governança local, a qual conduz às decisões e atribuições dos agentes econômicos presentes nesse arranjo produtivo. Para tanto, utilizou-se como instrumental metodológico a pesquisa de campo junto a uma amostra de empresas e instituições do setor. Observou-se que as ações coordenadas são determinadas pelo SINDVEST (Sindicato do Vestuário de Maringá) que representa empresas filiadas, e que organiza reuniões com a participação de representantes das instituições de ensino superior (Universidade Estadual de Maringá-UEM e Centro de Ensino Superior de Maringá-CESUMAR) e de capacitação empresarial e técnico (SEBRAE e SENAI, respectivamente). As propostas de ações conjuntas quase sempre são estimuladas a partir de editais específicos à APLs, juntamente à Secretaria de Estado do Planejamento e Coordenação Geral (SEPL) do Paraná, e ao Sistema FIEP. Conclui-se, portanto, que apesar das ações em prol do setor se faz necessário uma maior participação das micro e pequenas empresas no processo de tomada de decisões do arranjo, haja vista que os empresários que comandam o setor, representam, em sua grande maioria, empresas de médio e de grande porte.


Palavras-chave


Arranjos produtivos locais; Ações conjuntas; Governança

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8085.2009v12n1p134

Creative Commons License
Revista Textos de Economia. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil - - - eISSN: 2175-8085 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional
> > > > >