Linguagem e ensino de sociologia: reflexões sobre a apropriação da linguagem sociológica

Erika Kulessa de Souza

Resumo


Neste artigo proponho uma reflexão sobre o aprendizado da Sociologia no Ensino Médio, tendo a linguagem questão central. Considero alguns aspectos da dimensão linguística do ensino e procuro caracterizar a linguagem sociológica e suas relações com o desenvolvimento do olhar sociológico. Recorro às contribuições de Wittgenstein e Vigotski sobre as relações entre pensamento, linguagem e conhecimento, pois apesar de apresentarem concepções de linguagem distintas, e em alguma medida conflitantes, é possível aproximar as implicações que essas duas perspectivas têm para compreender o processo de apropriação da linguagem sociológica.

 


Palavras-chave


Ensino de Sociologia; Linguagem sociológica; Ensino Médio

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1806-5023.2016v13n1p141

Direitos autorais 2016 Erika Kulessa de Souza

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

R. Em Tese, revista do PPGSP da UFSC, Brasil, ISSNe 1806-5023

Licença Creative Commons
Revista licenciado pela Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.