A construção dos espaços de cura no Brasil: entre a caridade e a medicalização

Gisele Sanglard

Resumo


Este artigo se propõe a analisar o processo de formação de uma nova mentalidade de assistência médico hospitalar na passagem do século XIX para o século XX, ou dito de outra forma, da transformação do hospital de espaço da caridade em lugar de cura. Chamarei atenção para a especificidade do sistema brasileiro, muito dependente das ações das Irmandades de Misericórdia, que criarão uma tensão dentro de seu hospital - entre a caridade e a prática médida - por seu duplo papel, de hospital privado que exercia a função de hospital público.

Texto completo:

pdf


Direitos autorais 2019 Gisele Sanglard

Esboços: histórias em contextos globais - ISSN da versão impressa 1414-722x (cessou em 2008) e ISSN eletrônico 2175-7976 - Florianópolis - SC - Brasil