Ciências da cura: Debates, embates, educação popular no final dos anos 1910

Autores

  • Liane Maria Bertucci UFPR

Resumo

Focalizando de forma privilegiada a cidade de São Paulo no final da década de 1910, o texto recupera estratégias de ação de alopatas e homeopatas que conviviam e concorriam na tentativa de firmar e alargar seus espaços de atuação. O trabalho destaca os discursos elaborados por esses profissionais da saúde no período desestruturador da gripe espanhola e como estas falas, expondo de maneira concisa e direta as concepções de ciência médida dos dois grupos, eram apresentados aos cidadãos de São Paulo, procurando educar/cooptar uma população apavorada pelo grande número de enfermos e mortos causados pela epidemia de 1918.

Downloads

Publicado

2007-10-23

Edição

Seção

Dossiê