Do boudoir ao motel: cultura visual, imagens decorativas e lugares íntimos para o sexo

Marize Malta

Resumo


O texto discute relações intertextuais entre comportamento, imagems, ambientações e imaginações, tomando como referência o sexo e os lugares considerados ideais para sua prática. Espaços íntimos, em casa ou fora dela, com camas e linguagens visuais específicas, são analisados por meio do que sugerem suas decorações e representações, do século XVIII aos dias de hoje.


Palavras-chave


Cultura visual; Atividade sexual; Ambientação

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7976.2008v15n19p199

Direitos autorais 2019 Marize Malta

Esboços: histórias em contextos globais - ISSN da versão impressa 1414-722x (cessou em 2008) e ISSN eletrônico 2175-7976 - Florianópolis - SC - Brasil