Acervos de pesquisa: espaços de geração de sentido histórico

Autores

  • Mário Martins Viana Júnior Universidade Federal do Ceará
  • Antonio Gilberto Ramos Nogueira Universidade Federal do Ceará

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7976.2014v21n31p124

Palavras-chave:

Iniciação à pesquisa, Consciência histórica, Aprendizagem, Ceará

Resumo

Neste trabalho, buscamos apontar e refletir sobre algumas das possíveis experiências desenvolvidas por pesquisadores(as) nos espaços dos acervos de pesquisa no estado do Ceará. Para tanto, especificamente, problematizamos e indicamos formas de atuação docente no âmbito de iniciação e de formação dos(as) alunos(as) na dimensão da pesquisa, a partir de algumas experiências realizadas através da interação entre esta, o ensino e a extensão, agregando diferentes instituições. Neste sentido, o artigo não possui a pretensão de dar conta de um mapeamento geral dos acervos de pesquisa do Ceará. É, antes, uma reflexão sobre formas dinâmicas de geração de sentido histórico e de consciência histórica no trabalho entre ensino e pesquisa em alguns desses espaços.

Biografia do Autor

Mário Martins Viana Júnior, Universidade Federal do Ceará

Professor Adjunto A do Departamento de História da Universidade Federal do Ceará, setor de estudos História do Brasil. Possui doutorado em História Cultural (UFSC-2013) e mestrado em História Social (UFC-2009). Foi professor Assistente da Universidade Federal do Ceará (2009-2011) e lecionou no ensino de Pós-Graduação da Faculdade do Vale do Jaguaribe (FVJ). Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil, atuando principalmente nas seguintes temáticas e temporalidades: gênero, história das mulheres, masculinidades, América Portuguesa e Brasil República. .

Antonio Gilberto Ramos Nogueira, Universidade Federal do Ceará

Possui graduação em História pela Universidade Estadual Paulista - UNESP/Assis (1988), mestrado em História pela Pontificia Universidade Católica de São Paulo (1995) e doutorado em História pela Pontificia Universidade Católica de São Paulo (2002). Atualmente é professor do Departamento de História e do Programa de Pós Graduaçao em História Social da Universidade Federal do Ceará. Foi professor da PUC-SP de 2004 a 2006. Tem experiência na área de História do Brasil com ênfase nos seguintes temas: historiografia, políticas culturais, patrimônio cultural, memória, cidade, cultura, inventário e cultura popular. Prêmio Silvio Romero 2004. É coordenador do Grupo de Estudos e Pesquisa em Patrimônio e Memória-UFC.

Downloads

Publicado

2014-06-30