Prelúdios literários de Lima Barreto (1881-1922)

Joachin Azevedo Neto

Resumo


O presente artigo tem o objetivo de analisar textos pouco conhecidos e até inéditos do escritor Afonso Henriques de Lima Barreto. Por meio de pesquisas nos arquivos da Fundação Biblioteca Nacional, foi possível encontrar manuscritos nos quais o autor remete a episódios que fizeram parte da sua formação intelectual e crônicas assinadas com os pseudônimos de Philéas Fogg e S. Holmes que circularam na revista Fon-Fon, órgão de destaque na imprensa carioca do começo do século XX. Desse modo, busca-se aqui também compreender as implicações históricas das polêmicas entre os intelectuais da Belle Époque tropical.


Palavras-chave


Lima Barreto; História dos intelectuais; Modernismo

Texto completo:

PDF

Referências


BARBOSA, Francisco de Assis. A vida de Lima Barreto (1881-1922). 2 ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 1959.

BARRETO, Lima. Toda crônica. v. 1. Rio de Janeiro: Agir, 2004.

BARRETO, Lima. Correspondência: ativa e passiva. t. I. Prefácio de Antônio Noronha Santos. São Paulo: Brasiliense, 1956a.

BARRETO, Lima. Diário íntimo: memórias. Prefácio de Gilberto Freyre. São Paulo: Brasiliense, 1956b.

BARRETO, Lima (Barão de Sumaret). Um five o’clock. Fon-Fon, Rio de Janeiro, ano I, n. 2, abr. 1907.

BARRETO, Lima (Philéas Fogg). Falsificações. Fon-Fon, Rio de Janeiro, ano I, n. 2, abr. 1907.

BARRETO, Lima (S. Holmes). O fio da linha. Fon-Fon, Rio de Janeiro, ano I, n. 5, mai. 1907.

BARRETO, Lima. O peso da ciência. [S.l.: s.n.]: [19--]. (Escrito em folha de rascunho do Ministério dos Negócios da Guerra.)

COSTA, Emília Viotti. Da Monarquia à República: momentos decisivos. 7. ed. São Paulo: Editora da Unesp, 1999.

DARNTON, Robert. O beijo de Lamourette: mídia, cultura e revolução. Tradução: Denise Bottman. São Paulo: Companhia das Letras, 1990.

ERMAKOFF, George; BUENO, Alexei (org.). Duelos no serpentário: uma antologia da polêmica intelectual no Brasil 1850-1950. Rio de Janeiro: G. Ermakoff Casa Editorial, 2005.

EDMUNDO, Luís. O Rio de Janeiro de meu tempo. Brasília: Senado Federal, 2003.

FREIRE, Zélia Nolasco. Lima Barreto: imagem e linguagem. São Paulo: Annablume, 2005.

FIGUEIREDO, Carmem Lúcia Negreiros de. Lima Barreto e o fim do sonho republicano. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1995.

MACHADO NETO, A. L. Estrutura social da República das Letras: sociologia da vida intelectual brasileira (1870-1930). São Paulo: Edusp, 1973.

NOTAS DIVERSAS. In: O Paiz, Rio de Janeiro, ano XXIV, n. 8715, ago. 1908.

O PAIZ. Rio de Janeiro: ano XXIII, n. 8227, abr. 1907.

RESENDE, Beatriz. Lima Barreto e o Rio de Janeiro em fragmentos. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 1993.

SALGADO, Marcus. A vida vertiginosa dos signos: recepção do idioleto decadista na Belle Époque tropical. 2006. 170 p. Dissertação (Mestrado em Letras Vernáculas) – Faculdade de Letras, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2006.

TAGARELA. Rio de Janeiro: ano II, n. 90, nov. 1903.

TAGARELA. Rio de Janeiro: ano I, n. 1, mar. 1902.

VELLOSO, Mônica Pimenta. História & modernismo. Belo Horizonte: Autêntica, 2010.

VELLOSO, Mônica Pimenta. Sensibilidades modernas: as revistas literárias e de humor no Rio da Primeira República. In: LUSTOSA, Isabel (org.). Imprensa, história e literatura. Rio de Janeiro: Edições Casa de Rui Barbosa, 2008. p. 211-230.




DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7976.2019v26n42p358

Direitos autorais 2019 Joachin Azevedo Neto

Esboços: histórias em contextos globais - ISSN da versão impressa 1414-722x (cessou em 2008) e ISSN eletrônico 2175-7976 - Florianópolis - SC - Brasil