O "Alasca brasileiro": debates sobre a autonomia do Acre na imprensa e no Congresso Nacional em 1909

André Vasques Vital

Resumo


O objetivo deste artigo é analisar os debates frente à situação jurídica do Território Federal do Acre e as reivindicações locais por autonomia econômica e política no início do século XX. Para tanto, foi analisada uma polêmica envolvendo a imprensa carioca e o deputado federal Justiniano José de Serpa (1852-1923). Em 22 de novembro de 1909, Serpa proferiu um discurso na Câmara federal traçando uma ampla comparação entre o Território Federal do Acre e o então Distrito do Alasca para repudiar a possibilidade de elevação do Acre a estado da Federação. Este artigo sugere que a imagem do Acre como o “Alasca brasileiro” adquiriu diferentes significados e converteu-se, sobretudo, em instrumento de pressão dos autonomistas do Acre pela conquista de mais direitos políticos e recursos do governo federal em paridade com as medidas adotadas pelos EUA em suas terras no Ártico.


Palavras-chave


Acre; Alasca; Território Federal

Texto completo:

PDF

Referências


A QUESTÃO do Acre e o “Jornal do Commercio”. O Paiz, Rio de Janeiro, DF, p. 8, 5 nov. 1909.

A QUESTÃO do Acre. Jornal do Commercio, Rio de Janeiro, DF, p. 2, 3 nov. 1909.

BANDEIRA, Luiz Alberto Moniz. O Barão de Rothschild e a questão do Acre. Rev. Bras. Polít. Int., Brasília, v. 43, n. 2, p. 150-169, 2000.

BUENO, Clodoaldo. Política externa da Primeira República: os anos de apogeu – 1902 a 1918. São Paulo: Paz e Terra, 2003.

BRASIL. Constituição da República dos Estados Unidos do Brasil (1891). In: BALEEIRO, Aliomar. Constituições brasileiras: 1891. 3. ed. v. 2. Brasília: Senado Federal, Subsecretaria de Edições Técnicas, 2012. p. 65-90.

CARVALHO, Francisco Freire de et al. Carta ao delegado do Juruá no Rio de Janeiro. O Cruzeiro do Sul, Cruzeiro do Sul, AC, p. 2, 31 jul. 1910.

CONSIDERAÇÕES sobre o Acre. A Reforma, Cidade Seabra, AC, p. 1, 09 set. 1928.

COSTA, Francisco Pereira. Seringueiros, patrões e justiça no Acre Federal (1904-1918). Rio Branco: EDUFAC, 2005.

COSTA, Miguel Teixeira da. Blague. O Cruzeiro do Sul, Cruzeiro do Sul, AC, p. 3, 29 mar. 1914.

DEAN, Warren. A luta pela borracha no Brasil: um estudo de história ecológica. São Paulo: Nobel, 1989.

FERREIRA, Sylvio Mario Puga. Federalismo, economia exportadora e representação política: o Amazonas na República Velha (1889-1914). Manaus: EDUA, 2007.

HAYCOX, Stephen W. Alaska: An American Colony. Seattle: University of Washington Press, 2002a.

HAYCOX, Stephen W. Frigid Embrace: Politics, Economics, and Environment in Alaska. Corvallis: Oregon State University Press, 2002b.

LIMA, Esperidião de Queiroz. 11 Anos na Amazônia (1904-1915). Manaus: Governo do Estado do Amazonas, 1966.

LOUREIRO, Antônio José Souto. O Brazil Acreano: scenas de uma epocha. Manaus: Gráfica Lorena, 2004.

MACHADO, Lia Osório. O controle intermitente do território amazônico. Revista Território, Rio de Janeiro, v. 1, n. 2, p. 19-32, 1997.

NA CÂMARA: a borracha do Acre. O Paiz, Rio de Janeiro, DF, p. 1, 9 dez. 1905.

NASKE, Claus-M.; SLOTNICK, Herman E. Alaska: A History of the 49th State. 2. ed. Norman: University of Oklahoma Press, 1987.

O ACRE e os acreanos. Gazeta de Notícias, Rio de Janeiro, DF, p. 4, 12 dez. 1905.

REPÚBLICA DOS ESTADOS UNIDOS DO BRASIL. Projeto N. 322 – 1909: reorganiza o Território do Acre; com emendas dos srs. Pedro Moacyr e Álvaro de Carvalho, votos em separado dos mesmos e do sr. Paulino de Souza. Diário do Congresso Nacional, Rio de Janeiro, DF, p. 3084-3094, 25 nov. 1909.

REPÚBLICA DOS ESTADOS UNIDOS DO BRASIL. Discurso pronunciado na sessão de 18 de novembro de 1909: documento a que se refere o sr. Justiniano de Serpa. Diário do Congresso Nacional, Rio de Janeiro, DF, p. 3023-3025, 21 nov. 1909.

SILVA, Francisco Bento da. Acre, a Sibéria tropical: desterros para as regiões do Acre em 1904 e 1910. Manaus: UEA Edições, 2013.

SILVA, Francisco Bento da. Do Rio de Janeiro para a Sibéria tropical: prisões e desterros para o Acre nos anos 1904 e 1910. Tempo e Argumento, Florianópolis, v. 3, n. 1, p. 161-179, 2011.

TOCANTINS, Leandro. Formação histórica do Acre. v 1. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira; Conselho Federal de Cultura; Governo do Estado do Acre, 1979a.

TOCANTINS, Leandro. Formação histórica do Acre. v 2. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira; Conselho Federal de Cultura; Governo do Estado do Acre, 1979b.

TOCANTINS, Leandro. O rio comanda a vida: uma interpretação da Amazônia. 7. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1961.

VASCONCELLOS, Carlos de. Contra os vícios do país. Diário do Norte, Manaus, AM, p. 1, 22 maio 1910.




DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7976.2019v26n42p404

Direitos autorais 2019 André Vasques Vital

Esboços: histórias em contextos globais - ISSN da versão impressa 1414-722x (cessou em 2008) e ISSN eletrônico 2175-7976 - Florianópolis - SC - Brasil