O Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina: espaço de saber “qualificado”

Autores

  • Patrícia de Freitas Universidade Federal de Santa Catarina

Palavras-chave:

Discurso, Saber, Poder, IHGSC

Resumo

Debater com agremiações como os institutos históricos e geográficos é perceber como o estado apropriou-se e continua a apropriar-se da produção historiográfica. Procuravam intelectuais e burocratas, construir a identidade física da nação. Neste processo de construção selecionavam, hierarquizavam e moldavam uma história que representaria o país enquanto um todo homogêneo. Envoltos em pressupostos modernizantes, delineavam a si próprios, opondo-se ao “outro”. O “outro, especificamente negros, surge desta forma, nas bordas deste discurso progressista, cuja escravidão representaria um empecilho. Assim, circundam alguns dos temas deste artigo.

Downloads

Publicado

1996-01-01

Edição

Seção

Artigo