A recepção de Balmes no Brasil do século XIX: uma análise a partir da imprensa ultramontana

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7976.2023.e84235

Palavras-chave:

Jaime Balmes, Ultramontanismo, Imprensa Católica

Resumo

Este artigo pretende analisar a apropriação da obra El Protestantismo comparado con el Catolicismo en sus Relaciones con la Civilizacion Europea, do teólogo monarquista Jaime Luciano Balmes Uría (1810-1848), pelo principal jornal ultramontano brasileiro da segunda metade do século XIX: O Apóstolo, editado na província do Rio de Janeiro entre os anos de 1866 e 1901 na condição de um dos principais porta-vozes dos ideais e projetos ultramontanos, afinados com algumas das diretrizes da Santa Sé para o mundo católico da época, visando a barrar o avanço dos supostos “erros da modernidade”. Tendo como problemática de fundo o processo de circulação de ideias e apropriação cultural, visa a cotejar as apropriações pelo jornal de trechos e ideias presentes na obra de Balmes, escrita no contexto da reação legitimista às vicissitudes sociopolíticas e aos debates teológicos que marcaram a Espanha na década de 1840, identificando suas adaptações e ressignificações à luz da realidade brasileira da época, concomitante a dinâmica de circulação de impressos em perspectiva transnacional.

Biografia do Autor

Ana Rosa Cloclet Silva, PUC-Campinas

Doutora em História. Docente-pesquisadora. Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas), Faculdade de História e PPG em Ciências da Religião, Escola de Humanidades, Campinas, SP, Brasil.

Leonardo Henrique de Souza, Pontifícia Universidade Católica de Campinas

Licenciado em História pela PUC-Campinas. Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil Império, atuando principalmente nos seguintes temas: história da Igreja Católica; iconografia religiosa; Questão Religiosa; ultramontanismo; imprensa oitocentista; circulação, apropriação e ressignificação de ideias; História dos conceitos e Maçonaria no Brasil. 

Referências

BALMES, Jaime. El Protestantismo comparado con el Catolicismo en sus Relaciones con la Civilizacion Europea. Buenos Aires: Emecé Editores, s.a.

GREGÓRIO XVI, Papa. Enciclica del Sommo Pontefice Gregorio XVI Mirari vos. Disponível em: https://www.vatican.va/content/gregorius-xvi/it/documents/encyclica-mirari-vos-15-augusti-1832.html. Acesso em: 19 Jul 2021.

LEÃO XIII, Papa. Carta Encíclica Libertas Praestantissimum del Sumo Pontífice León XIII sobre la libertad y el liberalismo. Disponível em: https://www.vatican.va/content/leo-xiii/es/encyclicals/documents/hf_l-xiii_enc_20061888_libertas.html. Acesso em 23 Mai 2021.

LEÃO XIII, Papa. Epístola Encíclica Aeterni Patris del Sumo Pontífice León XIII. Disponível em: https://www.vatican.va/content/leo-xiii/es/encyclicals/documents/hf_l-xiii_enc_04081879_aeterni-patris.html. Acesso em: 23 Jun 2021.

LEÃO XIII, Papa. Etsi Nos Lettera Enciclica di sua Santità Leone PP. XIII. Disponível em: https://www.vatican.va/content/leo-xiii/it/encyclicals/documents/hf_l-xiii_enc_15021882_etsi-nos.html. Acesso em 23 Mai 2021.

O APÓSTOLO. Periódico Religioso, Moral e Doutrinário, consagrado aos interesses da Religião e da Sociedade (1866-1901). Disponível em: http://memoria.bn.br/hdb/periodico.aspx. Acesso em: 20 Abr 2021.

PIO IX, Papa. Enciclica Quanta Cura del Sommo Pontefice. Disponível em: http://www.vatican.va/content/pius-ix/it/documents/encyclica-quanta-cura-8-decembris-1864.html. Acesso em: 20 Abr 2021

Bibliografia:

ABREU, Márcia. A circulação transatlântica dos impressos – a globalização da cultura no Século XIX. In: Livro - Revista do Núcleo de Estudos do Livro e da Edição. Departamento de Jornalismo e Editoração da Escola de Comunicação e Artes - Universidade de São Paulo, p. 115-130, 2011.

ALONSO, Angela. O abolicionismo como movimento social. Novos Estudos. CEBRAP, v. 100, p. 1-30, 2015.

ANDRADE, Alex Moreira. A Maçonaria no Brasil (1863-1901): poder, cultura e ideias. São Paulo: Annablume, 2016.

ANDRADE, António Alberto de. Balmes em Portugal. Revista Portuguesa de Filosofia, T. 5, Fasc. 1, p. 92-95, 1949.

BLANCHE-RAFFIN, A. de. Vida y juicio crítico de los escritos de D. Jaime Bálmes. Madrid: Imprenta de D. Anselmo Santa Coloma y Compañía, 1850.

BERROCAL, Alejandro Sánchez. La filosofía reaccionaria del siglo XIX como crítica de la Modernidad: la “idea rusa” y “España como problema”. La razón histórica. Revista Hispanoamericana de Historia de las Ideas, Madrid, n. 33, p. 34-60, 2016.

BOURDIEU, Pierre. A economia das trocas simbólicas. São Paulo: Perspectiva, 1982.

BUENO, Roberto. A política como autoritarismo: o projeto compartilhado de Donoso Cortés e Jaime Balmes à sombra de Carl Schmitt. Intus-Legere Filosofía, v. 6, n. 1, p. 77-96, 2012.

CARVALHO, José Murilo de. A vida política. In: CARVALHO, J. M. de. (org.). A construção nacional, 1830 - 1899. 1 ed. Rio de Janeiro: Objetiva, 2012, p. 83-129.

CARVALHO, Thaís da Rocha. Liberdade religiosa no Brasil do século XIX: uma análise a partir do jornal ultramontano O Apóstolo (1866-1891). 2018. Dissertação (Mestrado em Ciências da Religião), Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas, 2018.

CHARTIER, Roger (org.) Práticas de Leitura. Tradução de Cristiane Nascimento. 5 ed. São Paulo: Estação Liberdade, 2011.

CIARALLO, Gilson. O tema da liberdade religiosa na política brasileira do século XIX: uma via para a compreensão da secularização da esfera política. Revista de Sociologia Política, Curitiba, v. 19, n. 38, p. 85-99, 2011.

DZIDEK, Tadeusz. El cristianismo y la cultura según Jaime Balmes - Extracto de la Tesis Doctoral presentada en la Facultad de Teología de la Universidad de Navarra. Universidad de Navarra - Facultad de Teología - Excerpta e Dissertationibus. Sacra Theologia, v. 21, n. 6, Pamplona, 1992.

FERREIRA, Tânia Maria Tavares Bessone da Cruz. Comércio de livros: livreiros, livrarias e impressos. Escritos (Fundação Casa de Rui Barbosa), v. 5, p. 41-52, 2011.

GOULART, Ilsa do Carmo Vieira. Entre a materialidade do livro e a interatividade do leitor: práticas de leitura. Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Campinas, v. 12, n. 2, p. 5-19, 2014.

GOULEMOT, Jean Marie. Da leitura como produção de sentidos. In: CHARTIER, Roger (org). Práticas de leitura. Tradução de Cristiane Nascimento. 5 ed. São Paulo: Estação Liberdade, 2011.

JAIME Luciano Balmes. In: CATHOLIC Encyclopedia. New York: Robert Appleton Company, 1907. Disponível em: https://www.newadvent.org/cathen/02224b.htm. Acesso em: 25 fev 2021.

KOSELLECK, Reinhart. Futuro Passado: contribuição à semântica dos tempos históricos. Tradução Wilma Patrícia Maas, Carlos Almeida Pereira; revisão César Benjamin. Rio de Janeiro: Contraponto-Ed. PUC-Rio, 2006.

LIMEIRA, Aline de Morais. Jornal O Apóstolo (1866 – 1893): ações católicas na imprensa e na educação. 2011. Disponível em: https://www.bn.gov.br/producao/documentos/jornal-apostolo-1866-1893-acoes-catolicas-imprensa-educacao, Acesso em 17/02/2021.

LYNCH, Christian. O pensamento conservador ibero-americano na era das Independências (1808-1850). Lua Nova, São Paulo, n. 74, 2008.

MARIANO, Ricardo. Laicidade à brasileira. Católicos, pentecostais e laicos em disputa na esfera pública. Civitas, Porto Alegre, v. 11, n. 2, p. 238-258, 2011.

MARIN, Jérri Roberto. O desenvolvimento da imprensa católica no Brasil. FONSECA, André Dioney; MARIN, Jérri Roberto. História, imprensa e religião. Curitiba: Appris, 2020.

MARTÍNEZ, Javier Barrayco. El Balmes apologeta en El protestantismo comparado con el catolicismo. Espíritu LX, n. 142, p. 379-398, 2011.

MARTÍNEZ, Ignacio; SANTIROCCHI, Ítalo Domingos. Iglesia atlântica. Iglesia universal. Iglesia romana. Escenarios de la modernidad católica en el siglo XIX. Almanack, Guarulhos, v. 1, n. 26, p. 1-8, 2020.

MOREL, Marco; BARROS, Mariana Monteiro de. Palavra, imagem e poder: o surgimento da imprensa no Brasil do século XIX. Rio de Janeiro: DP&A, 2003.

NOGUEIRA, Octaciano (org.). Constituições Brasileiras: 1824. Brasília: Senado Federal e Ministério da Ciência e Tecnologia, Centro de Estudos Estratégicos, 2001.

PEREIRA, Camila Mendonça. Abolição e catolicismo. A participação da Igreja Católica na extinção da escravidão no Brasil. 2011. Dissertação (Mestrado em História Cultural), Faculdade de História, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2011.

QUEIROZ, Juliana Maia de; FRANÇA, Lueny Amanda Oliveira. Romances portugueses em circulação no Rio de Janeiro na segunda metade do século XIX. Travessias Interativas, São Cristóvão, v. 7, n. 14, p. 451–469, 2017.

RAMIRO JR., Luis Carlos. O conceito de civilização e o discurso ultramontano no Brasil. Ariadna histórica. Lenguajes, conceptos, metáforas, v. 5, p. 69-107, 2016.

RODRIGUES, Cândido Moreira. Expoentes do pensamento conservador: conservadores tradicionalistas e contrarrevolucionários. Revista Brasileira de História das Religiões, ANPUH, ano VI, n. 16, p. 35-54, 2013.

SÁNCHEZ, Miguel Ángel Belmonte. Jaime Balmes: conocimiento y acción. Espíritu LX, n. 142, pp. 225-240, 2011.

SANTIROCCHI, Ítalo Domingos. Uma questão de revisão de conceitos: Romanização, ultramontanismo, reforma. Temporalidades, Belo Horizonte, v. 2, n. 2, pp. 24-33, 2010b.

SILVA, Ana Paula Barcelos Ribeiro da; PINTO, Jefferson de Almeida. Tradição e modernidade: reflexões sobre intelectuais e circulação de ideias no período da neocristandade no Brasil. Intellèctus, ano XIII, n. 2, p. 103-122, 2014.

SILVA, Ana Rosa Cloclet da. Imprensa católica e identidade ultramontana no Brasil do século XIX: uma análise a partir do jornal O Apóstolo. Horizonte: Revista de estudos de teologia e ciências da religião (Online), v. 18, p. 542-569, 2020.

SILVA, Ana Rosa Cloclet da. Matrizes da Teologia Política no pensamento ultramontano brasileiro do século XIX. In: Anais do VII Congresso da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Teologia e Ciências da Religião: Religião e Crise Socioambiental. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, 17 a 20 de setembro de 2019a.

SILVA, Ana Rosa Cloclet da. Matrizes europeias, conceitos americanos: a construção do pensamento católico conservador no tempo-espaço da modernidade ocidental. Comunicação apresentada no âmbito do 22nd International Conference in the History of Concepts "Beyond Borders: Conceptualizing Boundaries, Crossings and Disruptions". México: Colégio de México, julho de 2019b.

SILVA, Ana Rosa Cloclet da; CARVALHO, Thaís da Rocha. A Cruzada ultramontana contra os erros da modernidade. Revista Brasileira de História das Religiões, v. 12, n. 35, p. 09-42, 2019.

SILVA, Ana Rosa Cloclet da; SILVA, Leonardo Henrique de Souza. A construção discursiva do conceito de “heresia” no contexto da Questão Religiosa: uma análise a partir do jornal “O Apóstolo” (1871-1875). História Unicap, v. 7, n. 14, p. 450-465, 2020.

Downloads

Publicado

2023-07-10

Edição

Seção

Artigo