Da metafísica do belo à arte como mercadoria: Schopenhauer e a indústria cultural

Leo Afonso Staudt

Resumo


Apresentamos neste texto breves notas dos nossos estudos da Metafísica do Belo de Schopenhauer e da Dialética do Esclarecimento de Adorno e Horkheimer. Apontamos, sobretudo, a presença de alguns conceitos de Schopenhauer na crítica da Indústria Cultural.


Palavras-chave


Schopenhauer; Teoria Crítica; Metafísica do Belo; Indústria Cultural

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1677-2954.2012v11nesp1p199

          

 

 

ethic@. Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 1677-2954

Licença Creative Commons
This work is licensed under a  Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional