Hatha Yoga: efeito da prática nos níveis de ansiedade e depressão em estudantes universitários

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/1807-0221.2021.e72676

Palavras-chave:

Yoga, Qualidade de Vida, Bem-estar, Projeto de Extensão Universitária

Resumo

O Hatha Yoga consiste em posturas psicofísicas junto com o controle da respiração de uma maneira consciente, e parece promover vários benefícios físicos e psíquicos. Objetivo: avaliar o efeito de uma intervenção de 16 semanas com Hatha Yoga nos níveis de ansiedade e depressão em estudantes universitários. Métodos: Participaram deste estudo 17 indivíduos, com média de idade de 26,2 (±5,08) anos. Foi realizada uma intervenção de 16 semanas, duas vezes por semana com duração de 75 minutos. Uma anamnese foi aplicada e a Escala Hospitalar de Ansiedade e Depressão foi utilizada para a avaliação dos sintomas pré e pós-intervenção. Resultados: Houve melhora nos níveis de ansiedade (p<0,001) e depressão (p=0,008) quando comparados os escores antes e após 16 semanas de intervenção com Hatha Yoga. Ao final da intervenção, o nível de ansiedade reduziu nas turmas de manhã e noite (p<0,02), mas os níveis de depressão reduziram apenas para a turma da manhã (p=0,050).  Conclusão: A intervenção com Hatha Yoga foi eficaz na redução dos níveis de ansiedade e depressão em estudantes universitários.

Biografia do Autor

Josiane Rodrigues, Universidade Federal de Santa Catarina

Graduada em Educação Física, pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Professora de Yoga, registrada na Aliança do Yoga do Brasil. 

Morgana Lunardi, Universidade Federal de Santa Catarina

Doutoranda em Educação Física na área de Biodinâmica do Desempenho Humano pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mestre em Educação Física pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e bacharel em Educação Física pela Universidade de Caxias do Sul (UCS).

Josefina Bertoli, Universidade Estadual Paulista

Doutoranda em Ciências da Motricidade, na Universidade Estadual Paulista (UNESP). Mestre em Educação Física pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), na área de Biodinâmica do Desempenho Humano (2016). Graduada em Educação Física pelo Instituto Superior Antonio Ruiz de Montoya, Posadas, Misiones, Argentina (2011). 

Grazieli Maria Biduski, Universidade Federal de Santa Catarina

Mestre em Educação Física, na área de Biodinâmica do Desempenho Humano, na Universidade Federal de Santa Catarina. Graduada no curso de Bacharel em Educação Física, pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) 

Cintia de la Rocha Freitas, Universidade Federal de Santa Catarina

Doutora em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2004). Mestre em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2000). E graduada em Educação Física pela Universidade Federal de Pelotas (1992). Atualmente é professor assistente da Universidade Federal de Santa Catarina.

Referências

ALEXANDRINO-SILVA, C., PEREIRA, M.L.G., BUSTAMANTE, C., FERRAZ, A.C.D.T., BALDASSIN, S., ANDRADE, A.G. de, ALVEZ, T.C.D.T.F., 2009. Suicidal ideation among students enrolled in healthcare training programs: a cross-sectional study. Rev. Bras. Psiquiatr. 31, 338–344. https://doi.org/10.1590/S1516-44462009005000006

AUERBACH, R., MORTIER, P., BRUFFAERTS, R., ALONSO, J., BENJET, C., CUIJPERS, P., DEMYTTNAERE, K., EBERT, D., GREEN, J., MURRAY, E., NOCK, M., PINDER-AMAKER, S., SAMPSON, N., STEIN, D., VILAGUT, G., ZASLAVSKY, A., KESSLER, R., 2019. Student Project : Prevalence and Distribution of Mental Disorders. J. Abnorm. Psychol. 127, 623–638. https://doi.org/10.1037/abn0000362.The

BEITER, R., NASH, R., MCCRADY, M., RHOADES, D., LINSCOMB, M., CLARAHAN, M., SAMMUT, S., 2015. The prevalence and correlates of depression, anxiety, and stress in a sample of college students. J. Affect. Disord. 173, 90–96. https://doi.org/10.1016/j.jad.2014.10.054

BOTEGA, N.J., BIO, M.R., ZOMIGNANI, M.A., GARCIA Jr, C., PEREIRA, W.A.B., 1995. Transtornos do humor em enfermaria de clínica médica e validação de escala de medida (HAD) de ansiedade e depressão. Rev. Saude Publica 29, 359–363. https://doi.org/10.1590/S0034-89101995000500004

BRASIL, 2019. Saúde Brasil 2018 - Uma análise da situação de saúde e das doenças e agravos crônicos: desafios e perspectivas, Ministério da Saúde Secretaria de Vigilância em Saúde Departamento de Vigilância de Doenças e Agravos não Transmissíveis e Promoção de Saúde.

BRASIL, 2018. Saúde Brasil 2017: uma análise da situação de saúde e os desafios para o alcance dos objetivos de desenvolvimento sustentável, Ministério da Saúde Secretaria de Vigilância em Saúde Departamento de Vigilância de Doenças e Agravos não Transmissíveis e Promoção de Saúde.

BRIDGES, L., SHARMA, M., 2017. The Efficacy of Yoga as a Form of Treatment for Depression. J. Evid. Based. Complementary Altern. Med. 22, 1017–1028. https://doi.org/10.1177/2156587217715927

CARRIER, J., 2014. The role of sleep and circadian rhythms in health: A snapshot of key research interrogations. Pathol. Biol. 62, 231–232. https://doi.org/10.1016/j.patbio.2014.09.001

CAUNO, W., SCHMIDT, A.P., SCHNEIDER, C.N., BERGMANN, J., IWAMOTO, C.W., ADAMATTI, L.C., BANDEIRA, D., FERREIRA, M.B.C., 2001. Risk factors for postoperative anxiety in adults. Anaesthesia 56, 720–728. https://doi.org/10.1046/j.1365-2044.2001.01842.x

DE AZEVEDO, C.N., MEDEIROS, J.C. de, 2008. Uso de antidepressivos e ansiolíticos em uma população atendida pela equipe do programa saúde da família. Interseção - Rev. da Fac. São Camilo 2, 28–34.

DEL PORTO, J.A., 1999. Conceito e diagnóstico. Rev. Bras. Psiquiatr. 21, 06–11. https://doi.org/10.1590/S1516-44461999000500003

DIVYA, Ts., VIJAYALAKSHMI, M., MINI, K., ASISH, K., PUSHPALATHA, M., SURESH, V., 2017. Cardiopulmonary and metabolic effects of yoga in healthy volunteers. Int. J. Yoga 10, 115. https://doi.org/10.4103/0973-6131.186162

DOS SANTOS ALVES, A., 2006. Os efeitos da prática do yoga sobre a capacidade física e autonomia funcional em idosas. Fit. Perform. J. 5, 243–249. https://doi.org/10.3900/fpj.5.4.243.p

FIELD, T., 2016. Yoga research review. Complement. Ther. Clin. Pract. 24, 145–161. https://doi.org/10.1016/j.ctcp.2016.06.005

HERNÁNDE-TORRANO, D., IBRAYEVA, L., SPARKS, J., LIM, N., CLEMENTI, A., ALMUKHANBETOVA, A., NURTAYEV, Y., MURATKYZY, A., 2020. Mental Health and Well-Being of University Students: A Bibliometric Mapping of the Literature. Front. Psychol. 11, 1–16. https://doi.org/10.3389/fpsyg.2020.01226

JACOBSON, N.C., NEWMAN, M.G., 2017. Anxiety and depression as bidirectional risk factors for one another: A meta-analysis of longitudinal studies. Psychol. Bull. 143, 1155–1200. https://doi.org/10.1037/bul0000111

KIECOLT-GLASER, J.K., CHRISTIAN, L., PRESTON, H., HOUTS, C.R., MALARKEY, W.B., EMERY, C.F., GLASER, R., 2010. Stress, Inflammation, and Yoga Practice. Psychosom. Med. 72, 113–121. https://doi.org/10.1097/PSY.0b013e3181cb9377

MOLIVER, N., CHARTRAND, M., HAUSSMANN, R., MIKA, E., BURRUS, S., KHALSA, S., 2011. Increased Hatha yoga experience predicts lower body mass index and reduced medication use in women over 45 years. Int. J. Yoga 4, 77. https://doi.org/10.4103/0973-6131.85490

PILKINGTON, K., KIRKWOOD, G., RAMPES, H., RICHARDSON, J., 2005. Yoga for depression: The research evidence. J. Affect. Disord. 89, 13–24. https://doi.org/10.1016/j.jad.2005.08.013

PRADHAN, B., 2015. Yoga and Mindfulness Based Cognitive Therapy, Drug and Therapeutics Bulletin. Springer International Publishing, Cham. https://doi.org/10.1007/978-3-319-09105-1

REGEHRegehr, C., GLANCY, D., PITTS, A., 2013. Interventions to reduce stress in university students: A review and meta-analysis. J. Affect. Disord. 148, 1–11. https://doi.org/10.1016/j.jad.2012.11.026

RSHIKESAN, P., SUBRAMANYA, P., SINGH, D., 2017. Sleep quality and body composition variations in obese male adults after 14 weeks of yoga intervention: A randomized controlled trial. Int. J. Yoga 10, 128. https://doi.org/10.4103/ijoy.IJOY_53_16

SAEED, S.A., ANTONACCI, D.J., BLOCH, R.M., 2010. Exercise, yoga, and meditation for depressive and anxiety disorders. Am. Fam. Physician 81, 981–6.

SANTANGELO, O.E., PROVENZANO, S., FIRENZE, A., 2018. Ansia, depressione e consumo rischioso di alcol in un campione di studenti universitari. Riv. Psichiatr. 53, 88–94.

SILVA PIRES, P.L., SOARES, G.T., DE BRITO, I.E., DE LIMA, C.A., DE BARROS JUNQUEIRA, M.A., PILLON, S.C., 2019. Uso Problemático De Substâncias Psicoativas, Ansiedade, Estresse E Depressão Entre Estudantes De Enfermagem. Rev. Atenção à Saúde 17, 38–44. https://doi.org/10.13037/ras.vol17n61.6099

THOMEE, S., DELLVE, L., HÄRENSTAM, A., HAGBERG, M., 2010. Perceived connections between information and communication technology use and mental symptoms among young adults - A qualitative study. BMC Public Health 10, 1–14. https://doi.org/10.1186/1471-2458-10-66

THOMÉE, S., HÄRENSTAM, A., HAGBERG, M., 2012. Computer use and stress, sleep disturbances, and symptoms of depression among young adults - a prospective cohort study. BMC Psychiatry 12. https://doi.org/10.1186/1471-244X-12-176

THOMÉE, S., HÄRENSTAM, A., HAGBERG, M., 2011. Mobile phone use and stress, sleep disturbances, and symptoms of depression among young adults - A prospective cohort study. BMC Public Health 11. https://doi.org/10.1186/1471-2458-11-66

TILLER, J.W.G., 2013. Depression and anxiety. Med. J. Aust. 199, S28-31.

Twenge, J.M., 2000. The age of anxiety? The birth cohort change in anxiety and neuroticism, 1952–1993. J. Pers. Soc. Psychol. 79, 1007–1021. https://doi.org/10.1037/0022-3514.79.6.1007

VORKAPIC, C.F., RANGÉ, B., 2011. Os benefícios do yoga nos transtornos de ansiedade. Benefits of yoga practices for anxiety disorders 7, 50–54.

WANG, X., Li, Y., FAN, H., 2019. The associations between screen time-based sedentary behavior and depression: a systematic review and meta-analysis. BMC Public Health 19, 1–9. https://doi.org/10.1186/s12889-019-7904-9

WEYANDT, L.L., OSTER, D.R., MARRACCINI, M.E., GUDMUNDSDOTTIR, B.G., MUNRO, B.A., RATHKEY, E.S., MCCALLUM, A., 2016. Prescription stimulant medication misuse: Where are we and where do we go from here? Exp. Clin. Psychopharmacol. 24, 400–414. https://doi.org/10.1037/pha0000093

WHO, W.H. organization, 2014. Preventing suicide: A global imperative A global imperative.

ZIGMOND A.S., SNAITH, R.P., 1983. The Hospital Anxiety and Depression Scale. Acta Psychiatr. Scand. 67, 361–370. https://doi.org/10.1111/j.1600-0447.1983.tb09716.x

Downloads

Publicado

2021-04-28