Anatomia foliar comparativa de Psidium cattleyanum Sab. (Myrtaceae)

Leonardo D.S.A. Baptista da Silva, João de Deus Medeiros

Resumo


Popularmente conhecido como araçá, Psidium cattleyanum Sab. é uma espécie com grande plasticidade fenotípica, crescendo tanto nos ambientes abertos de restinga como na floresta ombrófila. O presente trabalho analisa comparativamente caracteres morfo-anatômicos das folhas de indivíduos crescendo nas fonnações de floresta ombrófila densa e restinga. Indivíduos de P. cattleyanum explorandó ambientes de restinga tendem a mostrar folhas com maior concentração de compostos fenólicos em relação àqueles que se desenvolvem na floresta ombrófila, bem como menor área foliar, maior espessura da lâmina e maior número de estômatos por milímetro quadrado. Indivíduos crescendo na floresta ombrófila evidenciam um espessamento cuticular superior ao observado nos indivíduos da restinga, aventando-se a hipótese que essa resposta seja uma estratégia adaptativa para atenuar o efeito da herbivoria.

Palavras-chave


Psidium; Myrtaceae; folha; Mata Atlântica.

Texto completo:

PDF/A


Insula - Universidade Federal de Santa Catarina - Departamento de Botânica - Centro de Ciências Biológicas - Campos Universitário - Trindade - CEP 88040-900 - Florianópolis - SC – Brasil.

ISSN print 0101-9554
ISSNe 2178-4574