Ao sul da fenda: notas acerca da relação entre teoria e prática no Serviço Social

Autores

DOI:

https://doi.org/10.1590/1982-02592020v23n3p539

Palavras-chave:

Marxismo, Teoria e Prática, Serviço Social,

Resumo

A adoção do marco teórico marxista nos cursos de serviço social configura-se como parte fundamental da contestação ao conservadorismo na prática profissional. Contudo, o cotidiano do fazer profissional, pautado pelos interesses hegemônicos que demandam o trabalho dos assistentes sociais, segue apresentando a contradição entre os limites encontrados no cotidiano do trabalho profissional e as exigências da visão de mundo reivindicada pela profissão. Dessa forma, o presente artigo se propõe a analisar os desafios da relação entre teoria e prática no Serviço Social. O artigo está dividido em duas seções. Na primeira busca-se analisar a construção do método de análise nas obras de Karl Marx e sua importância para a relação entre teoria e prática. Na segunda seção analisamos o processo histórico de mudanças na profissão e a forma como a relação entre teoria e prática se colocaram para o Serviço Social no Brasil e na América Latina.

Biografia do Autor

Eduardo Mara, Centro Universitário Joaquim Nabuco (UNINABUCO)

Cientista Social. Mestre em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Doutor em Serviço Social pela Universidade Federal de Pernambuco. Docente do curso de Serviço Social do Centro Universitário Joaquim Nabuco (UNINABUCO)

Referências

FORTI, Valeria e GUERRA, Yolanda (orgs). Serviço Social: Temas, textos e contextos. Rio de Janeiro: Editora Lumen Juris, 2010.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do cárcere, volume 1. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1999.

IAMAMOTTO, Marilda Villela. O serviço social na contemporaneidade: trabalho e formação profissional. São Paulo: Cortez, 2004.

IAMAMOTTO, Marilda Villela; CARVALHO, Raul. Relações sociais e serviço social no Brasil: esboço de uma interpretação histórico-metodológica. São Paulo: Cortez, 2014.

LONDON, Jack. Contos. São Paulo: Expressão Popular, 2005.

MARX, Karl e ENGELS, Karl. Manifesto do Partido Comunista. São Paulo: Expressão Popular, 2008.

MARX, Karl. A ideologia alemã. São Paulo: Expressão Popular, 2009.

MARX, Karl. A revolução antes da revolução. São Paulo: Expressão Popular, 2008a.

MARX, Karl. Contribuição à critica da economia política. São Paulo: Expressão Popular, 2008b.

MARX, Karl. Contribuição à crítica da filosofia do direito de Hegel: introdução. São Paulo: Expressão Popular, 2010.

NETTO, José Paulo. Notas sobre marxismo e Serviço Social, suas relações no Brasil e a questão de seu ensino. In: Cadernos ABESS IV. Ensino em Serviço Social: Pluralismo e Formação Profissional. São Paulo, Cortez, 1995.

NETTO, José Paulo. Capitalismo Monopolista e Serviço Social. São Paulo, Cortez, 2001.

NETTO, J. P. O Serviço Social e a tradição marxista. Serviço Social & Sociedade, Cortez, ano 10, n. 30, p. 89-102, maio/ago. 1989.

Downloads

Publicado

2020-10-05