Catadores de materiais recicláveis: a construção de novos sujeitos políticos

Autores

  • Mari Aparecida Bortoli PUC - Porto Alegre - RG

DOI:

https://doi.org/10.1590/S1414-49802009000100013

Palavras-chave:

Participação, Formação política, Trabalho e renda, Participation, Political education, Labor and income

Resumo

Este texto relata uma experiência no âmbito da extensão universitária, realizada junto a um grupo de catadores de materiais recicláveis para geração de trabalho e renda. A proposta teve a participação dos catadores desde a elaboração até a avaliação e constituiu-se num projeto, cuja intenção foi associar as habilidades de gestão a uma ação de geração de trabalho e renda, a partir da construção de alternativas socioeconômicas, com foco na autogestão. Além de relatar os procedimentos metodológicos e apresentar os resultados da intervenção, são discutidas as condições de vida e trabalho às quais os catadores estão submetidos e a construção de espaços de discussão para construção desses sujeitos políticos.

 

Biografia do Autor

Mari Aparecida Bortoli, PUC - Porto Alegre - RG

Graduação em Serviço Social pela Universidade Católica de Pelotas (UCPel) e Mestrado em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Professora do Curso de Serviço Social da Universidade Regional Integrada (URI) no ano 2000. Coordenadora do Curso de Serviço Social da Universidade de Cruz Alta (UNICRUZ) de 2001 a 2008.

Downloads

Publicado

2009-06-03