A relação entre diário e memória em "O amanuense Belmiro"

Autores

  • Aliny Santos Justino Universidade Federal de Ouro Preto

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7917.2012v17n2p45

Resumo

Neste trabalho, iremos desenvolver o enfoque teórico do diário, como parte da escrita de si, de acordo com as formulações de Phillipe Lejeune (2008) e Béatrice Didier (1991). Dessa forma, nosso objetivo principal é analisar a relação entre diário e memória em O Amanuense Belmiro. Assim, a exposição das características que compõem a estrutura e o funcionamento do diário conduzirá sempre ao estabelecimento das manifestações específicas dessa relação no romance de Cyro dos Anjos. Inicialmente, analisaremos a relação que existe entre o diário e as memórias, tendo em vista que o diário se apresenta para o narrador-personagem como um modo de fixação mnemônica das situações do presente, que se tornarão memória. Nesse sentido, abordaremos a oposição entre passado e presente que integram o diário de Belmiro. Em seguida, trataremos do diário como uma maneira de isolar-se do presente – e aqui estarão inclusos pressupostos iniciais que caracterizam o diário e sua formação que, por sua vez, favorecem as reflexões do personagem sobre seu passado e seu presente – onde faremos uma distinção entre àquelas que constam do diário e outras que tem uma relação com a ação narrativa. Por fim, abordaremos a formulação de Maurice Blanchot (1987) para discutirmos a tensa relação existente entre diário e romance na construção da obra.

Biografia do Autor

Aliny Santos Justino, Universidade Federal de Ouro Preto

Mestranda do Programa de Pós-graduação em Letras: Estudos da Linguagem. Linha de Pesquisa: Linguagem e Memória Cultural

Downloads

Publicado

2012-11-15

Como Citar

JUSTINO, . S. A relação entre diário e memória em "O amanuense Belmiro". Anuário de Literatura, [S. l.], v. 17, n. 2, p. 45–59, 2012. DOI: 10.5007/2175-7917.2012v17n2p45. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/literatura/article/view/2175-7917.2012v17n2p45. Acesso em: 30 set. 2022.

Edição

Seção

Seção Temática: Escritas de Si