Reflexões sobre a memória biográfica no meio audiovisual contemporâneo

Autores

  • Marcio Markendorf Universidade Federal de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7917.2013v18n1p16

Palavras-chave:

Biografia, Cinebiografia, Contemporaneidade, Memória, Representação

Resumo

O relato biográfico tradicional segue um modelo positivista, centrado em relações de causa e efeito, e compõe um percurso cronológico para apresentar a lógica de uma história de vida. Nas últimas décadas, estudiosos questionaram essa forma cristalizada e propuseram novas possibilidades para o discurso biográfico. O produto audiovisual, objeto de interesse deste trabalho, apesar de apresentar certas vantagens em relação ao modelo de papel, segue produzindo roteiros nos quais as fatias de vida de um sujeito são uma sucessão ordenada de acontecimentos no tempo. O objetivo do texto é, portanto, refletir sobre como a memória biográfica está presente no cinema e quais modificações são introduzidas no modelo trivial pela contemporaneidade, de modo a remover o aspecto mítico que envolve os biografados.

Downloads

Publicado

2013-06-07

Como Citar

MARKENDORF, M. Reflexões sobre a memória biográfica no meio audiovisual contemporâneo. Anuário de Literatura, [S. l.], v. 18, n. 1, p. 16-28, 2013. DOI: 10.5007/2175-7917.2013v18n1p16. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/literatura/article/view/2175-7917.2013v18n1p16. Acesso em: 26 nov. 2020.

Edição

Seção

Pesquisadores docentes