Escritas fora do corpo: a literatura residual de Italo Calvino

Autores

  • Bruna Fontes Ferraz Universidade Federal de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7917.2015v20nesp1p93

Palavras-chave:

Literatura residual, Escrita, Corpo, Italo Calvino

Resumo

O ensaio “La poubelle agréée”, de Italo Calvino, publicado em O caminho de San Giovanni, apresenta uma temática inusitada se pensarmos a obra do escritor em questão: a escrita como lixo. Discorrendo sobre o ato de jogar o lixo para fora, Calvino estabelece considerações sobre a relação entre consumo e descarte, apropriação e expropriação, de modo que o destino dos bens consumidos seria a multiplicação dos resíduos expelidos. A proposta deste trabalho é, pois, refletir sobre a escrita como um desses resíduos expelidos pelo corpo, considerando que o que resta da escrita é também lixo, é também dejeto deposto do corpo do autor. Para reiterar essa relação entre escrita e excreção, nos basearemos em Nancy para quem a escrita se excreve, lança-se para fora e se inscreve no corpo do leitor. Temos, então, o homem como produtor de escórias e, consequentemente, a arte como escória. Baseando-nos, sobretudo, em Agamben, Benjamin e Didi-Huberman, discorreremos sobre a possibilidade de a literatura escatológica – dessacralizada, desauratizada – firmar-se como uma espécie de contradispositivo perante a sociedade de controle através da profanação.

 

Biografia do Autor

Bruna Fontes Ferraz, Universidade Federal de Minas Gerais

Licenciada em Língua Portuguesa pela Universidade Federal de Ouro Preto (2010), Mestre em Estudos Literários - Teoria da Literatura pela Universidade Federal de Minas Gerais (2013) e doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Estudos Literários da UFMG.

Downloads

Publicado

2015-02-07

Como Citar

FERRAZ, B. F. Escritas fora do corpo: a literatura residual de Italo Calvino. Anuário de Literatura, [S. l.], v. 20, n. 2, p. 93-103, 2015. DOI: 10.5007/2175-7917.2015v20nesp1p93. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/literatura/article/view/2175-7917.2015v20nesp1p93. Acesso em: 1 dez. 2020.