Uma história da Frente de Libertação Homossexual e a esquerda na Argentina

Autores

DOI:

https://doi.org/10.1590/1806-9584-2019v27n254280

Palavras-chave:

Frentes de Libertação Homossexual, Nova Esquerda, Argentina

Resumo

Surgindo durante os anos setenta na Argentina em meio à radicalização política e inspirada
pelo surgimento da Nova Esquerda, a Frente de Libertação Homossexual (FLH) tentou uma aliança com as organizações de esquerda. Esta pesquisa visa conhecer, diacronicamente, tanto as mutações no discurso político do FLH e suas estratégias de luta que se articularam no projeto dessa aliança, quanto as tensões e contradições surgidas em relação às bases, dentro do próprio FLH, e com as outras organizações ativistas.

Biografia do Autor

Santiago Joaquin Insausti, UNIVERSIDAD DE BUENOS AIRES - CONSEJO NACIONAL DE INVESTIGACIONES CIENTIFICAS Y TECNICAS

Santiago Joaquin Insausti es Sociólogo y Doctor en Ciencias Sociales por la Universidad de Buenos Aires, donde también se desempeña como Profesor. Su campo de estudios se enfoca en la historia reciente de la sexualidad en Latinoamérica. Ha publicado artículos en diversas compilaciones y revistas científicas y presentado sus trabajos en  congresos nacionales e internacionales. Actualmente se encuentra investigando como los cambios en la identidad homosexual han delineado las transformaciones de las políticas socio-sexuales en Argentina en los últimos 50 años.

Publicado

2019-09-05

Edição

Seção

Artigos