Por uma história menor — uma análise deleuziana sobre a história das mulheres

Autores

  • Losandro Antonio Tedeschi UFGD

DOI:

https://doi.org/10.1590/%25x

Palavras-chave:

Historia, Gênero, Historia das Mulheres, Memoria

Resumo

Para este artigo, escolhi o seguinte princípio analógico: se há uma “literatura menor”,
expressão que Deleuze e Guattari aplicam à obra de Franz Kafka, por que não pensarmos
também em uma “história menor”? Com efeito, as narrativas femininas, marcadas por recortes
memoriais, ao serem contadas, narradas e descritas, possibilitam o surgimento de discursos
marginalizados e invisibilizados pela história tradicional. É essa história menor – essa memória
feminina, assaz subjetiva, de cunho familiar, afetiva e maternal, bem como negligenciada pela
memória oficial – que me proponho a analisar. Nessa perspectiva, a história do feminino, ao ser entendida como uma história menor, teria a força de produzir, através de linhas de fuga que ela própria constrói, descontinuidades na história oficial.

Biografia do Autor

Losandro Antonio Tedeschi, UFGD

Professor associado na UFGD na area de Historia

Downloads

Publicado

2018-04-24

Edição

Seção

Artigos