“Um desvio no anseio”: Relações entrelaçadas entre gênero, sexualidade e desejo lésbico em What Night Brings de Carla Trujillo e Gulf Dreams de Emma Pérez

Nathália Araújo Duarte Gouvêa

Resumo


Questões de gênero e sexualidade vêm sendo tratadas como tabu em sociedades
tradicionais e conservadoras. Gloria Anzaldúa alega em Borderlands/La Frontera (1999) que “ela [a lésbica de cor] depara-se contra duas proibições morais: sexualidade e homossexualidade”. A Chicana lésbica, como forma de sobrevivência e motivada por impulsos sexuais, batalha para superar o papel social passivo que a repressão atribui a ela e recusa-se a aceitar o sistema heteronormativo. Na presente pesquisa, pretendo investigar como as estratégias narrativas e as referências culturais trazem à superfície emoções e experiências que formam a subjetividade e o desejo sexual em What Night Brings (2003) de Carla Trujillo e Gulf Dreams (1996) de Emma Pérez. Suas narradoras transgressoras são de diferentes idades e processos de maturidade, porém iniciam ambos os romances como jovens Chicanas buscando explorar sua sexualidade e desvendar seus desejos proibidos enquanto se conscientizam do sistema patriarcal e machista no qual estão inseridas. Aqui a sexualidade da mulher e o desejo lésbico se entrelaçam. Ambos os romances possibilitam discussões sobre o desenvolvimento e a exploração sexual e também sobre a influência, julgamento e punição da comunidade com relação à sexualidade da mulher. Escritos de Gloria Anzaldúa, Cherrie Moraga, Carla Trujillo, Emma Pérez e outras críticas Chicanas feministas auxiliam a pesquisa.


Palavras-chave


Literatura Chicana; Sexualidade Chicana; Desejo Lésbico

Texto completo:

PDF/A (English)


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 Licença Creative Commons
A Revista Estudos Feministas está sob a licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Rev. Estud. Fem., ISSN 1806-9584, Florianópolis, Brasil.