Na trilha do gênero: pentecostalismo e CEBs

Márcia Thereza Couto

Resumo


O trabalho discute a forma como a perspectiva de gênero tem sido incorporada no âmbito dos estudos sobre dois grupos religiosos que nas duas últimas décadas têm mobilizado a atenção de cientistas sociais no Brasil e em outros países da América Latina: os pentecostais e as Comunidades Eclesiais de Base (CEBs). Por meio da leitura atenta de expressivos trabalhos sobre esses grupos com enfoque nos referenciais de gênero e pobreza, a autora argumenta que o caminho trilhado rumo a uma perspectiva analítica de gênero nesses campos ainda exige das/dos estudiosas/os uma longa empreitada, embora o esforço e a coerência do trabalho nessa direção sejam consideráveis.


Palavras-chave


gênero; pentecostalismo; Comunidades Eclesiais de Base (CEBs)

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.1590/S0104-026X2002000200006

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 Licença Creative Commons
A Revista Estudos Feministas está sob a licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Revista Estudos Feministas, ISSN 1806-9584, Florianópolis, Brasil.