Mapeando a imaginação feminista: da redistribuição ao reconhecimento e à representação

Autores

  • Nancy Fraser New School for Social Research

DOI:

https://doi.org/10.1590/S0104-026X2007000200002

Palavras-chave:

feminismo contemporâneo, pós-11 de Setembro, redistribuição e reconhecimento.

Resumo

Este artigo realiza uma reflexão sobre como reinventar o projeto feminista em um mundo que se globaliza, a partir de um balanço sobre as mudanças no feminismo no contexto das transformações no capitalismo pós-guerra e na geopolítica pós-comunista. O pós-11 de Setembro significou uma mudança drástica nas energias feministas, deslocando a ponta-delança da luta de gênero dos Estados Unidos para espaços transnacionais, como a “Europa”. O que está por trás dessa mudança geográfica e quais são as suas implicações políticas para o futuro do projeto feminista são questões que a autora busca responder.

Downloads

Publicado

2007-05-11

Edição

Seção

Artigos