O discurso católico latino-americano após a II Guerra Mundial

Rogério Luiz de Souza

Resumo


Este artigo pretende pensar a Instituição Católica dentro de um projeto reformista da sociedade latinoamericana no após segunda guerra mundial a partir das dimensões mais profundas das relações humanas, onde se colocam em jogo valores, comportamentos e ações sociais. Uma instituição não apenas inserida numa estrutura hierarquizada e formadora de padrões comportamentais, mas, dentro de uma preocupação teórico-analítica, relacionada com a prática social. Portanto, segundo este ponto de vista, o institu-cional se vê relacionado a uma dinâmica que sugere o entre cruzamento entre preceitos religiosos, ética social e mudança social. Assim, o discurso católico latino-americano, entendido como modelar, é também resultado de um universo cultural e que, por isso mesmo, exige a reelaboração dos seus conceitos a fim de que possa entrar na figuração de
mundo dos sujeitos históricos e criar, através de uma via alternativa, um
diálogo que leve em consideração os anseios, os valores e os parâmetros
culturais destes sujeitos.


Palavras-chave


Teoria da história; Porelações de poder; Discurso católico

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Direitos autorais 2001 Rogério Luiz de Souza

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

R. Ci. Hum. Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe 2178-4582

Creative Commons License Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

 

.