BABELIZAÇÃO E DESBABELIZAÇÃO (PARA UMA UTOPIA DO VIRTUAL)

Edson Costa Duarte

Resumo


Este artigo faz a descrição sumária de algumas características da cultura virtual, aqui pensada a partir de algumas discussões feitas sobre o conceito do tempo. A utopia está atada ao movimento vertiginoso e infinito do próprio tempo, e nos ajuda a delinear os contornos da babelização e desbabelização. A babelização pressupõe mecanismos de produção/recepção relacionados à proliferação, à confusão (Babel) ou amálgama de linguagens e materiais (suportes) da cultura virtual. A desbabelização está ligada à reprodução do mesmo, às homologias ou similitudes, e à paródia disseminados na cultura virtual.


Palavras-chave


Cultura virtual; Utopia; Tempo

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/1807-9288.2008v4n1p7



Direitos autorais 2008 Edson Costa Duarte

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Texto DigitalUniversidade Federal de Santa CatarinaFlorianópolisSanta Catarina, Brasil. ISSNe 1807-9288

 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.