Voz, meio digital, corpo.

Cristiano de Sales

Resumo


O artigo que segue defende a hipótese de que a utilização do conceito de corpo fenomenal (Merleau-Ponty) nos estudos de oralidade e performance consiste não apenas em contribuição para a investigação acerca da voz, mas também pode ampliar as pesquisas que se tem feito sob a orientação metodológica do principal teórico da oralidade, Paul Zumthor. E o meio digital, com sua possibilidade de performance e revisão artística, tem se revelado terreno fértil para a percepção desse corpo que deve ser compreendido como arte.


Palavras-chave


Performance; Digital; Corpo

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1807-9288.2014v10n2p114



Direitos autorais 2014 Cristiano de Sales

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Texto DigitalUniversidade Federal de Santa CatarinaFlorianópolisSanta Catarina, Brasil. ISSNe 1807-9288

 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.