O gerenciamento dos resíduos dos serviços de saúde de uma amostra de hospitais nacionais

Claude Machline, Roberta Travaglini Gonçalves, Vital Ribeiro Filho

Resumo


O artigo refere-se aos Planos de Gestão de Resíduos de Serviços de Saúde – PGRSS – de uma amostra de 70 hospitais nacionais, sendo resultado de um curso de educação a distância, ministrado por um consórcio formado entre a Universidade Federal de Santa Catarina e a Fundação Getulio Vargas. Para cada Plano, foram processadas informações gerais sobre o hospital, relativas à infra-estrutura e aos procedimentos atualmente usados no plano de gestão de resíduos. Diagnosticou-se a situação desses hospitais no tocante ao manejo dos resíduos, classificados por tipo, desde a coleta até a disposição final. A água, os efluentes líquidos e as emissões gasosas também foram objeto de investigação. Foram avaliados ainda, sob os aspectos técnico e econômico. Os resultados da pesquisa indicam que os hospitais estudados se encontram em sua maioria numa fase incipiente em matéria de gestão dos seus resíduos, existindo considerável distância entre a gestão atual dos resíduos e as exigências legais que os hospitais devem cumprir nas áreas sanitária e ambiental.

Palavras-chave


Gerenciamento; Resíduos de saúde; Administração hospitalar; Hospital wastes disposal; Hazardous wastes; Environment

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Revista de Ciências da Administração, Universidade Federal de Santa Catarina, Departamento de Administração, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Para entrar em contato com a equipe editorial da Revista RCA, encaminhe um e-mail para rca.cse@contato.ufsc.br

ISSNe 2175-8077    ISSN 1516-3865

Licença Creative Commons
This obra is licensed under a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.