O uso de informações patentárias para a valorização de resíduos industriais: o caso do lodo de tratamento de esgoto doméstico

Delmar Hirata, Cláudia Terezinha Kniess, Tatiana Tucunduva Philippi Cortese, Luc Quoniam

Resumo


A disposição do lodo de esgoto é um problema em muitas comunidades brasileiras. O  tratamento e reciclagem podem ser considerados um exemplo de inovação sustentável, em prol da obtenção de novos materiais. O processo de produção de conhecimento constitui o tema central em estudos sobre gestão da inovação tecnológica, entretanto são incipientes os estudos que tratam da comercialização desses conhecimentos, sobre patenteamento e licenciamento das tecnologias produzidas sob a ótica administrativa. Diante deste cenário, este estudo teve como objetivo fazer um levantamento das tecnologias utilizadas para a reciclagem do lodo de tratamento de esgoto na obtenção de novos produtos por meio das informações disponíveis nos bancos de dados internacionais sobre patenteamento. Neste sentido, foi elaborado um estudo empírico, exploratório, com abordagem qualitativa, baseado em um levantamento bibliográfico e na avaliação das informações sobre os pedidos e resultados de patentes existentes em bancos de dados internacionais. Considera-se que a avaliação destes resultados se configura como um instrumento competitivo e como uma variável estratégica para empresas interessadas nesta tecnologia.


Palavras-chave


Inovação Sustentável; Reciclagem; Lodo de Esgoto; Patentes

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8077.2015v17n43p55

Revista de Ciências da Administração, Universidade Federal de Santa Catarina, Departamento de Administração, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Para entrar em contato com a equipe editorial da Revista RCA, encaminhe um e-mail para rca.cse@contato.ufsc.br

ISSNe 2175-8077    ISSN 1516-3865

Licença Creative Commons
This obra is licensed under a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.