Comprometimento organizacional: uma pesquisa documental sobre a produção científica brasileira de 1994 a 2003

Fabíola Meazza Meneghini de Moraes, Christiane Kleinubing Godoi, Marcos Aurélio Batista

Resumo


Tem-se observado, nas últimas décadas, uma preocupação crescente por parte dos estudiosos das organizações com o tema do comprometimento organizacional. O conceito de comprometimento insere-se na longa tradição dos estudos que buscam identificar e compreender fatores pessoais que determinam o comportamento humano no trabalho, integrando uma subárea denominada de atitudes ante o trabalho (BASTOS, 1994). Este artigo busca sistematizar o estado da arte do comprometimento no Brasil, analisando os 46 artigos publicados nos Anais dos Encontros da Associação Nacional de Pós-graduação em Administração – ENANPAD, nos últimos dez anos, através de uma pesquisa documental. A análise foi realizada mediante os seguintes critérios: a) tipo de pesquisa realizada nos artigos; b) estratégia de pesquisa; c) modelos de comprometimento utilizados. A pesquisa demonstrou que o tema tem crescido vertiginosamente no Brasil, onde a grande maioria dos artigos utiliza a estratégia de estudo de caso do tipo quantitativo, e que há a predominância do modelo de Meyer e Allen.

Palavras-chave


Comprometimento organizacional; Pesquisa documental; Produção cientifica

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Revista de Ciências da Administração, Universidade Federal de Santa Catarina, Departamento de Administração, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Para entrar em contato com a equipe editorial da Revista RCA, encaminhe um e-mail para rca.cse@contato.ufsc.br

ISSNe 2175-8077    ISSN 1516-3865

Licença Creative Commons
This obra is licensed under a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.