Oficina do sabor: a experiência do CAPSi de Queimados

Conteúdo do artigo principal

Leila Andrade Oliveira
https://orcid.org/0000-0003-3779-4230
Gabriela Dantas
Ruliane Gitahy

Resumo

O artigo apresenta a experiência de uma oficina de culinária realizada em um Centro de Atenção Psicossocial Infanto-juvenil (CAPSi) em município do Estado do Rio de Janeiro e discute a questão da reabilitação psicossocial de crianças e adolescentes em sofrimento psíquico. Aposta na contribuição do dispositivo para o Movimento da Reforma Psiquiátrica, visto que através da disponibilização de oportunidades de trocas materiais e simbólicas seja possível a ampliação da capacidade relacional dos sujeitos atendidos, colaborando para o processo de inclusão social de crianças e adolescentes em sofrimento psíquico.

Detalhes do artigo

Como Citar
OLIVEIRA, . A.; DANTAS, .; GITAHY, . Oficina do sabor: a experiência do CAPSi de Queimados. Cadernos Brasileiros de Saúde Mental/Brazilian Journal of Mental Health, [S. l.], v. 11, n. 30, p. 29–42, 2019. DOI: 10.5007/cbsm.v11i30.69723. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/cbsm/article/view/69723. Acesso em: 27 jan. 2023.
Seção
ATENÇÃO PSICOSSOCIAL A CRIANÇAS E ADOLESCENTES
Biografia do Autor

Leila Andrade Oliveira, Centro de Atenção Psicossocial Infanto-juvenil de Queimados

Psicóloga do CAPSi de Queimados. Doutora em Psicologia Social pela UFPB.

Gabriela Dantas

Oficineira do CAPSi de Queimados.

Ruliane Gitahy

Coordenadora do CAPSi de Queimados. Especialista em Psicanálise e Saúde Mental pela Universidade Cândido Mendes, com previsão de conclusão para julho de 2019.