Análise das informações por segmento: divulgação de informações gerenciais pelas empresas brasileiras

Autores

  • Humberto Silva Aillón Universidade de São Paulo
  • Júlio Orestes da Silva Universidade de São Paulo
  • Anderson Ferreira Pinzan Universidade de São Paulo
  • Artur Filipe Ewald Wuerges

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8069.2013v10n19p33

Palavras-chave:

segmentos operacionais, contabilidade gerencial, normas contábeis internacionais

Resumo

O cenário de convergência contábil internacional conduz as organizações brasileiras à nova realidade de desafio informacional, à divulgação de informações gerenciais, como, por exemplo, informações por segmento. O objetivo deste trabalho consiste em verificar como são evidenciadas as informações gerenciais publicadas na nota explicativa de informações por segmento nas empresas que compõem o IBrX-50. Nos achados, conclui-se que (i) a evidenciação é distinta entre os setores; e (ii) existe um baixo nível de disclosure das informações gerenciais. Esses fatores podem ser um indício da tentativa de ocultar a ineficiência de gestores, ou a supressão de informações como barreira informacional para novos competidores.

 

Biografia do Autor

Humberto Silva Aillón, Universidade de São Paulo

Ciências Contábeis - Contabilidade Gerencial.

Controladoria e Gestão Estratégica de Custos.

Referências

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1977.

BENJAMIN, S.; MUTHAIYAH, S.; MARATHAMUTHU, M.; MURUGAIAH, U. A study of segment reporting practices: a Malaysian perspective. Journal of Applied Business Research, v. 26, n. 3, 2010.

BIRT, J. L.; BILSON, C. M.; SMITH, T.; WHALEY, R. E. Ownership, competition and financial disclosure. Australian Journal of Management, v. 31, n. 2, p. 235-263, 2006.

BOLSA DE VALORES DE SÃO PAULO (BOVESPA). Consulta classificação setorial. Disponível em: <http://www.bmfbovespa.com.br>. Acesso em 10 junho 2010.

BORBA, J. A.; SOUZA, M. M; ZANDONAI, F. Evidenciação da perda no valor recuperável de ativos nas demonstrações contábeis: uma verificação as empresas de capital aberto brasileiras. In: Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração. 33. 2009, São Paulo. Anais... São Paulo: ANPAD, 2009. CD-ROM.

BOSCOV, C. P. O enfoque gerencial na divulgação de informações por segmento. 2009. Dissertação (Mestrado em Controladoria e Contabilidade) – Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo. São Paulo, 2009.

COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS (CVM). Consulta das notas explicativas das empresas listadas no IBrX - 50. Disponível em: <http://www.cvm.gov.br>. Acesso em 5 julho 2010.

ENSSLIN, S. R.; CARVALHO, F. N.; Voluntary disclosure of intellectual capital in the Brazilian context: an investigation informed by the international context. International Journal of Accounting, Auditing and Performance Evaluation. v. 4, p. 478-500, 2007.

EPSTEIN, B. J.; JERMAKOWICZ, E. K. Interpretation and application of International Financial Reporting Standards. Hoboken: Wiley, 2010.

FAVERO, L. P.; BELFIORE, P.; DA SILVA, F. L.; CHAN, B. L. Análise de Dados: modelagem multivariada para tomada de decisões. Rio de Janeiro: Elsevier, 2009.

FREITAS, H. M. R.; CUNHA JR, M. V. M.; MOSCAROLA, J. Aplicação de sistema de software para auxílio na análise de conteúdo. Revista de Administração da USP – RAUSP. v. 32, n. 3, p. 97-109, jul./set. 1997.

FREITAS, H. M. R. de; JANISSEK-MUNIZ, R. . Análise Léxica e Análise de Conteúdo: técnicas complementares, sequenciais e recorrentes para análise de dados qualitativos.. 1. ed. Porto Alegre: Sphinx Publicações, 2000. v. 3000. 176 p.

FREZATTI, F.; AGUIAR, A. B.; GUERREIRO, R.. Diferenciações entre a Contabilidade financeira e a Contabilidade gerencial: uma pesquisa empírica a partir de pesquisadores de vários países. Revista de Contabilidade e Finanças – USP, n. 44, p. 9-22, mai/ago, 2007.

GUJARATI, D. N. Econometria Básica. 5. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2006.

GAMBLE, G.; SIMMS, J. The role of activity-base costing in the development of segmented financial statements: an examination. Journal of Business & Economics Research, v. 8, n. 2, 2010.

GARROD, N. Competitive Disadvantage and Segmental Disclosure. Department of Accounting and Finance – University of Glasgow – Working Paper, 2005.

GUTHRIE, J.; PETTY, R.; FERRIER, F.; WELLS, R. There is no accounting for intellectual capital in Australia: review of annual reporting practices and internal measurement of intangibles within Australian organization. In: OECD SYMPOSIUM OF MEASURING AND REPORTING INTELLECTUAL CAPITAL, 1999, Amsterdam. Anais… Amsterdam: OCDE, 1999.

HANSEN, D. R.; MOWEN, M. M. Management Accounting (International Edition), 7 ed. Thomson South-Western, 2005.

IUDÍCIBUS, S.; MARTINS, E.; CARVALHO, L. N. Contabilidade: aspectos relevantes da epopeia de sua evolução. Revista de Contabilidade e Finanças – USP, São Paulo, n. 38, p. 7-19, mai/ago. 2005.

KOLBE, R. H.; BURNETT, M. S. Content-analysis research: an examination of applications with directions for improving research reliability and objectivity. Journal of Consumer Research, v. 18, n° 2, p. 243-500, 1991.

LEMES, S.; CARVALHO, L.N. Efeito da convergência das normas contábeis brasileiras para as normas internacionais do IASB. In: Congresso USP de Controladoria e Contabilidade, 4., 2004, São Paulo. Anais... FEA/USP, 2004. CD-ROM.

MACHADO, E. A.; TAKAMATSU, R. T.; LIMA, G. A. S. F. Reações do Mercado de Capitais Brasileiro à Publicação Voluntária dos Demonstrativos Contábeis em Conformidade com os Padrões Internacionais.. In: V Congresso ANPCONT, 2011, Vitória-ES. Anais... V Congresso ANPCONT, 2011.

MATOS, B.; ENSSLIN, S. R.; REINA, D.; REINA, D. R. M. A evidenciação voluntária do capital intelectual de natureza social e ambiental da empresa Natura Cosméticos S.A. no período de 2003 a 2007. In: Congresso USP de Controladoria e Contabilidade, 9., 2009, São Paulo. Anais... FEA/USP, 2009. CD-ROM.

MARTINS, G. A. Manual para elaboração de monografias e dissertações. São Paulo: Atlas, 2002.

MARTINS, G. A.; THEÓPHILO, C. R. Metodologia da investigação científica para ciências sociais aplicadas. São Paulo: Atlas, 2007.

MOURAD, N. A. IFRS8: segmentos operacionais: Contabilidade internacional: International Financial Reporting Standards - IFRS. São Paulo: Atlas, 2009.

NIYAMA, J. K.; ONO, H. M.; RODRIGUES, J. M. Disclosure sobre impairment: uma análise comparativa das companhias abertas brasileiras em 2008. Revista de Contabilidade do Mestrado em Ciências Contábeis da UERJ, v. 15, n. 1, p. 67-87, jan./abr., 2010.

PORTER, M. E. Competitive advantage: creating and sustaining superior performance. New York: Free Press, 1985.

RAHAHLEH M. Y. Applying IFRS 8 operating segments in the context of segments reporting in Jordan. The Business Review, Cambridge, v. 16, n° 2, p. 67-90, dec. 2010.

RODRIGUES, J. M.; MACHADO, D. G.; CRUZ, A. P. C. da. Evidenciação de custos ambientais em empresas do segmento de adubos e fertilizantes. Revista Contemporânea de Contabilidade. UFSC, Florianópolis, v. 8, n. 15, p. 63-86, jan./jun., 2011.

SCHNEIDER, G.; SCHOLZE A. Segment Disclosure under the Management Approach: The Impact of Proprietary Costs on Internal Reporting Decisions, 2011. Disponível em: <http://papers.ssrn.com/sol3/papers.cfm?abstract_id=1830264>. Acesso em: 01 jan. 2012.

SOLOMON, J.; SOLOMON A. Private social, ethical and environmental disclosure. Accounting, Auditing & Accountability Journal, v. 19, n° 4, p. 564-591, 2004.

WENCHAO K.; SIMON H. Predictive gains to segmental disclosure matrices, geographic information and industry sector comparability. The British Accounting Review, v. 39, n° 3, p. 183-195, sep. 2007.

Downloads

Publicado

2013-04-26

Edição

Seção

Artigos