O sentido da devastação; para uma história ambiental no Brasil

Autores

  • Paulo Henrique Martinez UNESP

Palavras-chave:

Agricultura, Capitalismo, Colonização, História Ambiental

Resumo

O conhecimento dos métodos de acumulação primitiva de capital, empreendida pela colonização portuguesa, examinada internamente, pode constituir ponto de partida para estudos teóricos, metodológicos e historiográficos e de pesquisas empíricas sobre devastação ambiental no Brasil. O estabelecimento de algumas hipóteses de trabalho constitui o esforço do texto. Formulações teóricas da Economia Política e análises da historiografia sobre o período permitem considerações prospectivas.

Biografia do Autor

Paulo Henrique Martinez, UNESP

Professor do departamento de História da Faculdade de Ciências e Letras da UNESP. Assis/ SP

Downloads

Publicado

2007-11-13

Edição

Seção

Dossiê