As contribuições das tecnologias da informação e comunicação em um curso de Astronomia a distância: uma análise à luz da Teoria dos Campos Conceituais

Aline Tiara Mota, Mikael Frank Rezende Jr

Resumo


Este trabalho descreve o planejamento e analisa a aplicação de um curso a distância de Astronomia em que participaram 17 alunos do Ensino Médio de uma escola da rede particular do sul de Minas Gerais. O curso ocorreu em um Ambiente Virtual de Aprendizagem e utilizou recursos como simulações, vídeos e textos. O foco da análise privilegiou uma compreensão de como esses recursos podem contribuir para melhorar o repertório de esquemas dos estudantes em situação. Para realizar este estudo, foi utilizada a Teoria dos Campos Conceituais, proposta por Gerard Vergnaud, como referencial para o planejamento do curso e para sua análise. Como resultados, destacamos a alternativa de interação entre professor e aluno que os ambientes virtuais podem proporcionar. Relativamente aos conceitos trabalhados, enfatizamos que para o conceito de Gravidade, há indícios de que os estudantes ampliaram seu repertório de esquemas sobre a relação entre massa e força gravitacional.


Palavras-chave


Teoria dos Campos Conceituais; Ensino de Astronomia; Tecnologias da Informação e Comunicação; Educação a Distância

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7941.2017v34n3p971

 


Cad. Bras. Ens. Fís. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil - - - eISSN 2175-7941 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons
> > > > >