Uma discussão sobre a formação de Professores promovida por um IES federal por meio da “Complementação Pedagógica para Não Licenciados”: o caso do professor de Física

Marlova Estela Caldatto, João Ricardo Neves da Silva

Resumo


O presente artigo se propõe a analisar o projeto (currículo) de formação inicial de professores de Física que baliza a implementação da política pública “Formação pedagógica para graduados não licenciados” em andamento em uma universidade pública da esfera federal. As análises buscaram categorizar e discutir os conhecimentos que compõem tal projeto formativo a partir das prescrições previstas nos documentos jurídicos vigentes e da seguinte taxonomia: conhecimento do conteúdo (Física), do conhecimento pedagógico geral e do conhecimento pedagógico do conteúdo (Física). As análises mostram uma discrepância entre os conhecimentos desenvolvidos na complementação pedagógica e os conhecimentos tidos pela literatura como necessários para a prática do professor de Física, mesmo quando consideradas as formações prévias (primeiras graduações) dos alunos.


Palavras-chave


Formação Pedagógica para não Licenciados; Formação do Professor de Física; Conhecimento Especializado do Professor de Física

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7941.2019v36n1p224

 


Cad. Bras. Ens. Fís. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil - - - eISSN 2175-7941 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons
> > > > >