Sobre a datação de você, ocê e senhorita

Autores

  • Odete Pereira da Silva Menon Universidade Federal do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.5007/1984-8412.2009v6n1p45

Palavras-chave:

Implementação/avaliação, Você/ocê/cê, Datação de senhorita

Resumo

Conhecer a data em que uma palavra figurou, pela primeira vez, na língua não serve só para efeitos de datação. Essa informação é importante, pois pode balizar os estudos sobre as etapas implementação e avaliação (WEINREICH, LABOV; HERZOG, 1968) das mudanças linguísticas. Assim, o presente estudo é uma tentativa de situar, histórica e socialmente, o comportamento das formas de se dirigir ao interlocutor, usando as variantes mais gramaticalizadas do pronome vossa mercê, primeiro em Portugal (você), depois no Brasil (você/ocê/cê), corrigindo, atualizando e fixando datas de aparecimento dessas ocorrências. Com a utilização de obras de autores nascidos entre o século XVII e o início do XX foi possível, inclusive, adiantar em meio século a datação do substantivo senhorita, indicador, talvez, de um novo estatuto para a mulher.

Biografia do Autor

Odete Pereira da Silva Menon, Universidade Federal do Paraná

Professora sênior do Programa de Pós-Graduação em Letras

Professora Titular do Dep. Lingüística, Letras Clássicas e Vernáculas

Downloads

Publicado

2009-11-04

Edição

Seção

Artigo