Representações múltiplas e organização do componente lingüístico

Thaïs Cristófaro Alves da Silva, Christina Abreu Gomes

Resumo


Esse artigo apresenta e discute alguns aspectos da Fonologia de Uso (Bybee, 2001) e da Fonologia Probabilística (Pierrehumbert, 2003). O objetivo central do artigo é ponderar sobre alguns aspectos básicos dos modelos lingüísticos tradicionais e sugerir a investigação de uma abordagem alternativa de análise do componente sonoro (mas também extensivo a toda e qualquer área da Gramática). Esta proposta sugere a multirepresentacionalidade das formas lingüísticas e sugere que a organização do conhecimento lingüístico seja probabilisticamente
gerenciada. A estrutura lingüística é concebida como plástica e dinâmica onde a variação é inerente.

Palavras-chave


Fonologia; Variação; Fonologia de uso

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Direitos autorais

Creative Commons License

Esta publicação está regida por uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Fórum Linguístico, ISSNe 1984-8412, Florianópolis (Santa Catarina), Brasil