O plano de desenvolvimento institucional e o projeto pedagógico institucional de universidades públicas: limites organizacionais

Djair Picchiai

Resumo


http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2012v5n3p23

 

Observa-se a dificuldade de planejamento nas Universidades devido à falta de uma estrutura organizacional formalizada na área de gestão e execução de suas atividades. Os processos gerenciais e administrativos são executados de forma incipiente, prejudicando a capilaridade da estrutura quanto às informações e seus fluxos que dão forma e dinâmica à gestão. O objetivo do estudo foi analisar os Planos de Desenvolvimento Institucionais (PDIs) e Projetos Pedagógicos Institucionais (PPIs) de Universidades Públicas selecionadas. Constatou-se, por meio da leitura dos estatutos e regimentos gerais, que não se formalizam as atividades gerenciais da Universidade, tampouco as atribuições de seus órgãos administrativos e suas alçadas. Formalizam apenas, na maior parte das vezes, as competências dos órgãos superiores e dos colegiados, prejudicando a concepção e implantação dos planos da Universidade. Na literatura analisada encontram-se caminhos para a análise e propostas das questões levantadas de institucionalização e planejamento. Acredita-se que a execução do planejamento é o ponto-chave deste processo. As teorias explicam, em parte, os problemas encontrados, pois eles são muito específicos do setor público e das Universidades. Estas, por sua vez, exigem um tratamento diferenciado das teorias sobre gestão e planejamento.


Palavras-chave


Estrutura organizacional; Informação; Planejamento

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1983-4535.2012v5n3p23

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

Revista Gestão Universitária na América Latina - GUAL, ISSN 1983-4535, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Para entrar em contato com a equipe editorial da Revista GUAL, encaminhe um e-mail para revistagual@gmail.com.

 This obra is licensed under a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.