Diagnóstico e alternativas de contenção da evasão no curso de administração em uma universidade pública no sul do brasil

Simone Portella Teixeira de Mello, Elaine Garcia dos Santos

Resumo


http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2012v5n3p67

 

Este estudo é parte de projeto de pesquisa, desenvolvido em uma universidade pública no sul do Brasil e tem como objetivo revelar os fatores que contribuem para evasão no curso superior de Administração no período de 2009 a 2011. Conforme ampliação das vagas no ensino superior público brasileiro, a evasão também tem aumentado, o que infere um problema a ser tratado com atenção pela gestão da educação superior. O diagnóstico é etapa preliminar às ações futuras para minimizar a evasão das IES. Faz-se revisão teórica sobre o tema, relacionando causas informadas com a literatura. Revelam-se alternativas no âmbito do curso e de políticas institucionais. A pesquisa é de essência qualitativa e utiliza entrevista semi-estruturada com questões abertas e fechadas, desenvolvidas via email e telefone. Os resultados revelam: homens evadem mais que mulheres, a idade predominante está entre 21 e 29 anos. As justificativas predominantes dos evadidos, para a evasão são: carga horária de trabalho excessiva, incompatibilidade de horário entre trabalho e curso e expectativas diferentes com relação ao curso. Controle on line da freqüência do aluno, melhor relação aluno-curso-docente, bolsas de permanência e ações prospectivas como divulgar o perfil do egresso-administrador no ensino médio, podem conter a evasão.


Palavras-chave


Evasão no ensino superior; Abandono na educação superior; Evasão

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1983-4535.2012v5n3p67

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

Revista Gestão Universitária na América Latina - GUAL, ISSN 1983-4535, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Para entrar em contato com a equipe editorial da Revista GUAL, encaminhe um e-mail para revistagual@gmail.com.

 This obra is licensed under a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.